Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Potencial analítico de sedimentos e solos aplicado à arqueologia (1999)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: AMENOMORI, SANDRA NAMI - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLA
  • Subjects: SOLOS; ARQUEOLOGIA; SÍTIOS ARQUEOLÓGICOS
  • Language: Português
  • Abstract: A discussão do potencial analítico de sedimentos e solos nas pesquisas arqueológicas é o objetivo principal deste trabalho, servindo para introduzir e/ou intensificar algumas dessas análises em sítios arqueológicos no Brasil. Inicialmente, foramtratados os atributos básicos para identificar e diferenciar solos de sedimentos de maneira a reconhecer alguns parâmetros para a sua leitura e registro, com os conceitos básicos vindos dsa geociências. As diversas análises, como a geoquímica, amicromorfologia, restos vegetais, microartefatos e datações (C14, TL, OSL, Potássio-Argônio e Urânio-Tório); foram selecionadas segundo critérios de abordagem do próprio tema, cujo enfoque se dá no sedimento e no solo além da bibliografiaexistente. Observa-se que a análise faunística, propositadamente não foi inserida ao texto, visto estar a zooarqueologia bem fundamentada nas pesquisas arqueológicas no Brasil. Os dois sítios arqueológicos citados neste trabalho - O Sítio MarVirado (Sítio pescador-coletor) e o Sítio Areia Branca 6 (Sítio-cemitério dos antigos Kaingang), serviram para exemplificar a realização de algumas das análises e a proposição de outras, observando seus métodos de coleta e os potenciaisanalíticos considerados. No caso do Sítio Areia Branca 6, a análise do fosfato em campo e laboratório auxiliou a identificar as falhas na estratégia de coleta, onde não se permitiu obter resultados comparativos que servissem como indicadores dalocalização do "corpo doindivíduo" no montículo estudado. Apesar disto, os resultados obtidos foram importantes por servirem de referência para as futuras pesquisas. Uma questão importante é observar que os resultados de laboratório coincidiramcom as de campo, isto é, os valores apresentados no montículo variaram da mesma forma que os testes em campo. Considera-se que todas as informações obtidas no sedimento e solo não são apenas complementares e sim novos dados para a interpretação do registro arqueológico
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.07.1999

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      AMENOMORI, Sandra Nami; UCHÔA, Dorath Pinto. Potencial analítico de sedimentos e solos aplicado à arqueologia. 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999.
    • APA

      Amenomori, S. N., & Uchôa, D. P. (1999). Potencial analítico de sedimentos e solos aplicado à arqueologia. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Amenomori SN, Uchôa DP. Potencial analítico de sedimentos e solos aplicado à arqueologia. 1999 ;
    • Vancouver

      Amenomori SN, Uchôa DP. Potencial analítico de sedimentos e solos aplicado à arqueologia. 1999 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019