Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeitos do estresse de imobilização sobre as funções reprodutoras do rato macho púbere e adulto (1999)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ALMEIDA, SIMONE ACRANI DE - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFI
  • Subjects: FISIOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo do presente trabalho foi investigar os efeitos do estresse sobre a instalação da puberdade a os parâmetros reprodutivos de ratos machos adultos, analisando as alterações provocadas pela imobilização prolongada intermitente iniciada napré-puberdade a prolongada até o início da puberdade e a idade adulta. Para isto, ratos machos pré-púberes foram imobilizados dentro de tubos de PVC (6 horas diárias) por períodos de 15 dias (sacrificio na puberdade) ou 60 dias (sacrifício naidade adulta). A condição de estresse foi comprovada pelo aumento das concentrações plasmáticas de ACTH, corticosterona a Prl. O estresse não alterou a concentração de FSH mas provocou diminuição significativa na concentração plasmática de LH. Aconcentração plasmática de testosterona foi diferente conforme a fase do desenvolvimento sexual: diminuiu nos ratos adultos (corroborando a maioria dos dados da literatura) mas elevou-se nos animais pré-púberes estressados; esta elevação foidiscutida em termos de um possível aumento da estimulação simpática. Os ratos púberes estressados exibiram menor grau de maturação testicular, que não teve correlação direta com a alteração dos hormônios do eixo hipófise-testicular a foidiscutida em termos de uma possível interferência com o controle parácrino da espermatogênese. Analisados quanto ao comportamento sexual, apresentaram maior freqüência de intromissões, sugestiva de maior motivação sexual a discutida em termos doaumento dosnívei s plasmáticos de testosterona (observado nos ratos estressados) a do provável aumento de serotonina e catecolaminas (esperado em situações de estresse). Exibiram, no entanto, um atraso para iniciar o comportamento de cópula(aumento de latência para realização da primeira monta), provavelmente relacionado às repetidas experiências aversivas em que a mudança de ambiente vinha sempre acompanhada de imobilização. Na idade adulta, os ratos estressados ) apresentaram diminuição da produção de espermátides maduras a da densidade espermática, ocasionada, provavelmente, pela menor secreção de testosterona somada à menor quantidadede células de Sertoli. Cruzados com fêmeas normais,resultaram em uma progênie com maior taxa de perdas pré- a pós implantação. A diminuição de fertilidade dos ratos estressados foi discutida em termos de distúrbios na maturação epididimária dos gametas, que é dependente de uma alta estimulaçãoandrogênica, garantida pela secreção de testosterona somada a secreção da androgen-binding protein (ABP) pelas células de Sertoli
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.09.1999

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200031603Almeida, Simone Acrani de
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALMEIDA, Simone Acrani de; LAMANO CARVALHO, Teresa Lúcia. Efeitos do estresse de imobilização sobre as funções reprodutoras do rato macho púbere e adulto. 1999.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 1999.
    • APA

      Almeida, S. A. de, & Lamano Carvalho, T. L. (1999). Efeitos do estresse de imobilização sobre as funções reprodutoras do rato macho púbere e adulto. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Almeida SA de, Lamano Carvalho TL. Efeitos do estresse de imobilização sobre as funções reprodutoras do rato macho púbere e adulto. 1999 ;
    • Vancouver

      Almeida SA de, Lamano Carvalho TL. Efeitos do estresse de imobilização sobre as funções reprodutoras do rato macho púbere e adulto. 1999 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: