Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Remoção de cor de efluente de indústria têxtil por processo avançado de oxidação (1999)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SAIA, FLAVIA TALARICO - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Subjects: ÁGUAS RESIDUÁRIAS
  • Language: Português
  • Abstract: Neste trabalho são mostrados os resultados do estudo efetuado para verificar a aplicabilidade do processo avançado de oxidação (AOP) com emprego de 'O IND.3'e 'H IND.2''O IND.2/'O IND.3' na remoção de cor e melhora na biodegradabilidade de efluente de uma indústria do ramo têxtil (CAFI Ltda). Em uma primeira etapa, visitas freqüentes foram feitas à indústria para descrição do processo produtivo, da estação de tratamento de efluentes (ETE) e para a caracterização qualitativa e quantitativa do efluente bruto. Nesta etapa também foram realizados ensaios de flotação do efluente. Na Etapa 2 foi elaborada a unidade para os ensaios de oxidação. Iniciou-se, então, os ensaios de oxidação. Nas Etapas 3 e 4 o efluente flotado foi oxidado com 'O IND.' e 'H IND. 2''O IND.2'/ 'O IND.3' nas relações 0,2; 0,4; 0,6 e 0,8 por tempos de aplicação de 2, 5, 10, 15 e 20 minutos, que correspondem a dosagens de 2,2; 7; 16,1; 23,4 e 33,1 mg 'O IND.3'/L. Na Etapa 5, o efluente oxidado foi enviado para ensaio de biodegradabilidade. O efluente flotado, também foi oxidado com dosagens elevadas de ozônio, compreendidas entre 50 e 100 mg /L e pH de oxidação iguais a 7 e 12. Na Etapa 6, foram realizados ensaios de oxidação com o efluente final tratado pela ETE da indústria, com tempos de aplicação de ozônio iguais a 50% dos adotados nas Etapas 3 e 4. Com os resultados obtidos pôde ser concluído que o processo avançado de oxidação foi mais eficiente na Etapa 6 doque nas Etapas 3 e 4.Omecanismo de reação indireta do ozônio foi melhor que o da reação direta. A aplicação de dosagens elevadas de 'O IND.3 ' não foi eficiente na oxidação do efluente flotado. A Etapa 5 demonstrou que a oxidação com 'O IND.3' e 'H IND.2''O IND. 2'/'O IND.3' não foi eficiente na melhora da biodegradabilidade do efluente. Portanto, na indústria, o processo de oxidação avançada poderia ser aplicado utilizando-se 'H IND.2''O IND.2'/ 'O IND.3' no eflente final
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.10.1999

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100008535TESE 5041
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SAIA, Flávia Talarico; DANIEL, Luiz Antonio. Remoção de cor de efluente de indústria têxtil por processo avançado de oxidação. 1999.Universidade de São Paulo, São Carlos, 1999.
    • APA

      Saia, F. T., & Daniel, L. A. (1999). Remoção de cor de efluente de indústria têxtil por processo avançado de oxidação. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Saia FT, Daniel LA. Remoção de cor de efluente de indústria têxtil por processo avançado de oxidação. 1999 ;
    • Vancouver

      Saia FT, Daniel LA. Remoção de cor de efluente de indústria têxtil por processo avançado de oxidação. 1999 ;