Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Controle da homeostase metabólica na dormência sazonal em lagartos Teiú (Tupinambis merianae) (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CARVALHO, JOSE EDUARDO DE - IB
  • USP Schools: IB
  • Sigla do Departamento: BIF
  • Subjects: FISIOLOGIA ANIMAL
  • Language: Português
  • Abstract: O ciclo anual de atividade do lagarto teiú inclui um período de 3 a 4 meses de dormência durante o inverno, quando os animais permanecem inativos no interior de suas tocas. Durante esta fase ocorre uma intensa depressão do metabolismo aeróbio, daordem de 75-85%, que parece se sobrepor aos efeitos causados pela queda na temperatura corpórea. Neste trabalho buscou-se verificar: (1) se a depressão do metabolismo aeróbio observada nos teiús está associada a uma inibição dos mecanismos deprodução e/ou consumo de energia, capaz de alterar o balanço energético em diversos tecidos; (2) se o controle da homeostase energética durante o estado dormente envolve uma alteração das taxas de fluxo da via glicolítica; (3) a ocorrência depossíveis alterações das vias de síntese e degradação de glicogênio em associação ao padrão sazonal de deposição e mobilização deste substrato nos tecidos; (4) a participação dos corpos cetônicos como substrato energético para os tecidos durantea fase hipometabólica. Para tal foram realizadas medidas de consumo de 'O IND.2' e da produção de C'O IND.2' no repouso, a 25°C, em animais dormentes e em atividades de primavera. Foram também realizadas medidas das concentrações de compostosfosfatados (fosfocreatina, creatina, ATP, ADP e AMP), de metabólitos finais da via glicolítica (fosfo(enol)piruvato, piruvato e lactato) em amostras de fígado, cérebro, ventrículo cardíaco e músculo branco esquelético, além da concentraçãoplasmática de'beta'-hidroxibutirato, coletadas de animais nas duas fases do ciclo anual. Foram ainda realizadas medidas da atividade das enzimas glicogênio fosforilase, glicogênio sintetase, 'beta'-hidroxibutirato desidrogenase esuccinil-CoAcetotransferase. Os resultados em conjunto permitem concluir que a dormência nos teiús é um evento aeróbio, mantida principalmente pela oxidação de lípides, não havendo indícios de uma depressão do estado energético dos tecidos ) analisados, o que sugere a preservação da capacidade funcional destes tecidos durante a fase hipometabólica. As evidências indicam que a capacidade de mobilização dos estoques de glicogênio em todos os tecidos analisados, à exceçãodo cérebro, deve estar diminuída na dormência, assim como a capacidade de síntese deve estar aumentada nos tecidos cerebral e muscular cardíaco. Adicionalmente, haveria um aumento na produção de corpos cetônicos durante a dormência, os quaisseriam transportados pelo sangue a outros órgãos como o coração e, principalmente, o cérebro, que se utilizariam destes compostos para a síntese aeróbica de ATP
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.02.2000

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IB12000006284M-931
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CARVALHO, José Eduardo de; SOUZA, Silvia Cristina Ribeiro de. Controle da homeostase metabólica na dormência sazonal em lagartos Teiú (Tupinambis merianae). 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.
    • APA

      Carvalho, J. E. de, & Souza, S. C. R. de. (2000). Controle da homeostase metabólica na dormência sazonal em lagartos Teiú (Tupinambis merianae). Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Carvalho JE de, Souza SCR de. Controle da homeostase metabólica na dormência sazonal em lagartos Teiú (Tupinambis merianae). 2000 ;
    • Vancouver

      Carvalho JE de, Souza SCR de. Controle da homeostase metabólica na dormência sazonal em lagartos Teiú (Tupinambis merianae). 2000 ;