Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação geoestatística do depósito estano-tungstenífero relacionado ao Maciço Granítico Correas-Ribeirão Branco-SP (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERRON, JOSÉ MAXIMINO TADEU MIRAS - IGC
  • USP Schools: IGC
  • Sigla do Departamento: GGE
  • Subjects: DEPÓSITOS MINERAIS (AVALIAÇÃO); GEOESTATÍSTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Esta dissertação apresenta os resultados de um estudo geoestatístico realizado sobre os dados de pesquisa em um depósito estano-tungstenífero relacionado ao Maciço Granítico Correas, localizado no Município de Ribeirão Branco - SP. Este depósitomineral foi intensivamente pesquisado pela Mineração Taboca S.A., em cooperação com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Est. de São Paulo - IPT. Cerca de 5000 metros de sondagem rotativa a diamante foram realizados resultando na descobertade seis corpos de greisens mineralizados a Sn e W. Estes corpos apresentam dimensões variando de 20 a 200 m e encontram-se próximos um do outro desenhando uma geometria altamente complexa. Esta mineralização está associada com albititos egreisens derivados de alterações tardi a pós-magmáticas associadas à cúpula granítica. Os dados de pesquisa originados das amostras coletadas ao longo de 5000 m de sondagem rotativa a diamante constituem a base de dados para este trabalho. Todosos dados disponíveis foram lançados em seções horizontais e verticais a fim de proceder à interpretação geológica que permitiu a delineação dos corpos de greisen mineralizados. Para esta interpretação foram considerados não somente os teores deSn-W mas também as observações de campo e o modelo geológico da mineralização. Este passo deve preceder qualquer processamento posterior à medida que ela permite a separação entre minério e rejeito ou rochas hospedeiras. Assim, com o objetivo decaracterizaros corpos de greisen, foram realizadas as análises estatística e geoestatística. Baseado no medelo de variograma resultante da análise geoestatística, a técnica de krigagem ordinária foi aplicada para avaliar os recursos mineraismedidos do Depósito Correas. Os resultados finais desse estudo de avaliação indicam que o Depósito Correas apresenta um total de 1.472.492 t de minério com teores médios de 0,130% de Sn e 0,043% de W, os quais correspondem ) respectivamente a 1907 t de Sn e 631 t de W
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.03.2000
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IGC30900004363T F396 JMTM.a e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERRON, José Maximino Tadeu Miras; YAMAMOTO, Jorge Kazuo. Avaliação geoestatística do depósito estano-tungstenífero relacionado ao Maciço Granítico Correas-Ribeirão Branco-SP. 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-29092015-142404/pt-br.php >.
    • APA

      Ferron, J. M. T. M., & Yamamoto, J. K. (2000). Avaliação geoestatística do depósito estano-tungstenífero relacionado ao Maciço Granítico Correas-Ribeirão Branco-SP. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-29092015-142404/pt-br.php
    • NLM

      Ferron JMTM, Yamamoto JK. Avaliação geoestatística do depósito estano-tungstenífero relacionado ao Maciço Granítico Correas-Ribeirão Branco-SP [Internet]. 2000 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-29092015-142404/pt-br.php
    • Vancouver

      Ferron JMTM, Yamamoto JK. Avaliação geoestatística do depósito estano-tungstenífero relacionado ao Maciço Granítico Correas-Ribeirão Branco-SP [Internet]. 2000 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-29092015-142404/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: