Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

O imaginário como campo revelador da castração (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ASSAD, MARGARIDA MARIA ELIA - IP
  • USP Schools: IP
  • Sigla do Departamento: PSC
  • Subjects: PSICANÁLISE; PSICOLOGIA CLÍNICA; IMAGEM CORPORAL
  • Language: Português
  • Abstract: O interesse pelo imaginário partiu da atualidade que este campo vem ocupando na modernidade. Definimos o campo do imaginário como objeto de estudo desta tese, lançando uma hipótese sobre os efeitos da experiência da castração na formação daimagem que o sujeito faz de si. A formação da imagem desde Freud até Lacan não obedece às construções teóricas das leis de percepção da Psicologia, requerendo uma outra conceituação teórica. Partimos, então, do Imaginário em Freud, naquilo queesse conceito se relacionava com a experiência alucinatória com os objetos, definindo assim a realidade psíquica. Da mesma forma, percorremos o Imaginário na obra de Lacan, nos dirigindo para o lugar do eu e das suas identificações. Uma vezpercorrido o campo especular, fomos conduzidos a uma outra concepção imaginária a partir do campo escópico. Nesse âmbito, pudemos ver surgir uma nova maneira de se situar o conceito de pulsão. Através do estudo do campo escópico pudemos retirarnovas indicações sobre a articulação entre aquilo que é da ordem corporal e o que parte das representações ou da linguagem. Assim encontramos as duas formulações do gozo em Lacan: o gozo fálico e o gozo do Outro, inseridas no nó borromeano queenlaça o Imaginário, o Simbólico e o Real. Com essa topologia, vimos ser possível uma outra concepção do Imaginário, que o aproxima da imagem corporal, mas que se distingue da natureza de uma representação. Essa imagem corporal trouxe de volta osigno que Lacan havia se referido emalguns de seus seminários. A natureza do signo permitiu conceber a imagem, tanto pelos seus efeitos de significado, como pelos efeitos de gozo, que se manifestam no final da experiência analítica
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.05.2000

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IP12300004949T RC504 A844i e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ASSAD, Margarida Maria Elia; NOGUEIRA, Luiz Carlos. O imaginário como campo revelador da castração. 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.
    • APA

      Assad, M. M. E., & Nogueira, L. C. (2000). O imaginário como campo revelador da castração. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Assad MME, Nogueira LC. O imaginário como campo revelador da castração. 2000 ;
    • Vancouver

      Assad MME, Nogueira LC. O imaginário como campo revelador da castração. 2000 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: