Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo "in vitro" do aspecto morfológico da superfície do esmalte e alteração na permeabilidade dentária após clareação (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SPALDING, MARIANNE - FOB
  • USP Schools: FOB
  • Subjects: PATOLOGIA BUCAL; ESMALTE DENTÁRIO; CLAREAMENTO DE DENTE
  • Language: Português
  • Abstract: O cirurgião-dentista tem sido cada vez mais solicitado para solucionar problemas referentes ao restabelecimento das condições naturais aos elementos dentários. A clareação de dentes vitais é um procedimento bastante difundido por tratar-se de uma modalidade conservadora de clarear os dentes, quando comparada a outras modalidades terapêuticas de tratamento restaurador estético, como as facetas e coroas totais de resina, porcelana ou cerâmica, onde ocorre um desgaste considerável de estrutura dentária. A presença de hipersensibilidade durante ou após a clareação sugere a capacidade de infiltração desses agentes através dos tecidos dentários, possivelmente, causando alguma alteração morfológica, estrutural ou na composição química desses tecidos. Com o objetivo de analisar "in vitro" as possíveis alterações no aspecto morfológico da superfície do esmalte dentário por meio de microscopia eletrônica de varredura, após aplicação do peróxido de hidrogênio 35% (Opalescence Xtra-Ultradent), após associação deste com o peróxido de carbamida 10% (Opalescence- Ultradent), bem como o efeito da saliva na morfologia superficial, após aplicação do agente clareador, propusemo-nos a realizar o presente estudo. Foram utilizados seis pré-molares irrompidos e seis terceiros molares não irrompidos, seccionados no sentido mesiodistal e vestibulolingual, de modo que os quatro fragmentos obtidos de cada dente, um controle e os demais tratados conforme três protocolosexperimentais, pudessem ser analisados por meio de microscopia eletrônica de varredura. A análise comparativa dos espécimes, revelou uma grande variação no padrão morfológico da superfície do esmalte normal, dependendo da área analisada no sentido cérvico-oclusal. Aumento de porosidade superficial, caracterizado por maior quantidade das depressões terminais dos prismas, bem como áreas de erosão superficial foram observados na superfície do esmalte após aplicação do ) peróxido de hidrogênio 35%. Sua associação com o peróxido de carbamida 10%, conforme estabelecido no protocolo experimental 3 revelou, na maioria dos espécimes, um aspecto superficial liso, polido, como se a superfície tivesse sido "lustrada". Os espécimes que ficaram imersos em saliva após a aplicação do peróxido de hidrogênio 35%, apresentaram-se, na grande maioria, cobertos por um "manto granular", aspecto este, possivelmente, relacionado ao potencial de remineralização da saliva. Simultaneamente foi avaliada a alteração na permeabilidade dentária após o uso do peróxido de hidrogênio 35%. Utilizando-se de dez terceiros molares não irrompidos, foi realizado um isolamento da superfície, de forma que o esmalte dentário ficasse exposto em apenas duas "janelas" em cada dente. Em uma delas foi aplicado o agente clareador, e a outra serviu como controle. Posteriormente os dentes foram imersos em solução do corante rhodamina B 1% para que se pudesse verificar o nível de infiltração do corante atravésda superfície clareada comparada a controle. Observamos uma tendência do esmalte clareado tornar-se mais permeável após a aplicação do peróxido de hidrogênio 35%
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.12.2000
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FOB11600010019Sp18e
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SPALDING, Marianne; TAVEIRA, Luís Antônio de Assis. Estudo "in vitro" do aspecto morfológico da superfície do esmalte e alteração na permeabilidade dentária após clareação. 2000.Universidade de São Paulo, Bauru, 2000. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25136/tde-11032005-103841/ >.
    • APA

      Spalding, M., & Taveira, L. A. de A. (2000). Estudo "in vitro" do aspecto morfológico da superfície do esmalte e alteração na permeabilidade dentária após clareação. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25136/tde-11032005-103841/
    • NLM

      Spalding M, Taveira LA de A. Estudo "in vitro" do aspecto morfológico da superfície do esmalte e alteração na permeabilidade dentária após clareação [Internet]. 2000 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25136/tde-11032005-103841/
    • Vancouver

      Spalding M, Taveira LA de A. Estudo "in vitro" do aspecto morfológico da superfície do esmalte e alteração na permeabilidade dentária após clareação [Internet]. 2000 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25136/tde-11032005-103841/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: