Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Disciplina e resistência: institucionalização de crianças e adolescentes infratores no serviço social de menores do Rio Grande do Sul - 1945-1964 (2001)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ERTZOGUE, MARINA HAIZENREDER - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: MENOR (SOCIOLOGIA); EDUCAÇÃO DE PRESO; CONFLITO; POLÍTICAS PÚBLICAS
  • Language: Português
  • Abstract: Esta tese analisa a disciplina e a resistência no processo de institucionalização de crianças e adolescentes infratores do Serviço Social de Menores do Rio Grande do Sul no período de 1945 até 1964. Visa, especificamente, a interpretar a resistência no espaço disciplinar como resposta à exclusão social e visualizar as situações de conflitos na relação entre menores infratores e agentes disciplinares que, em última instancia, reproduzem, para o interior do abrigo, a violência das ruas. O SESMT foi criado em 1945, no Estado do Rio Grande do Sul, com a finalidade de centralizar as políticas públicas de assistência ao menor abandonado e infrator. Foi extinto em 1964. A institucionalização do menor, ao tempo, acontecia por determinação do juizado de menores. Na primeira etapa, o jovem era internado em instituições de trânsito, onde era feita sua triagem. Havia três instituições de trânsito, a saber: o Abrigo Provisório Masculino Partenon, o Abrigo Provisório Masculino Praia de Belas e o Abrigo Feminino. Em 1962, foi criado o Instituto Central de Menores, para centralização da seleção dos Internos. A Segunda etapa efetiva a transferência do menor para a unidade de fixação, Escola Profissional Padre Cacique. Nesse estabelecimento, o interno aprendia um ofício para ingressar no mercado de trabalho. A escola apresentava dois componentes básicos: a ordem disciplinar e ética do trabalho, cujos objetivos eram formar cidadãos úteis à sociedade e à pátria
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.09.2001

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FFLCH21200003632T ERTZOGUE, M.H. 2001
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ERTZOQUE, Marina Haizenreder; MARCÍLIO, Maria Luiza. Disciplina e resistência: institucionalização de crianças e adolescentes infratores no serviço social de menores do Rio Grande do Sul - 1945-1964. 2001.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001.
    • APA

      Ertzoque, M. H., & Marcílio, M. L. (2001). Disciplina e resistência: institucionalização de crianças e adolescentes infratores no serviço social de menores do Rio Grande do Sul - 1945-1964. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ertzoque MH, Marcílio ML. Disciplina e resistência: institucionalização de crianças e adolescentes infratores no serviço social de menores do Rio Grande do Sul - 1945-1964. 2001 ;
    • Vancouver

      Ertzoque MH, Marcílio ML. Disciplina e resistência: institucionalização de crianças e adolescentes infratores no serviço social de menores do Rio Grande do Sul - 1945-1964. 2001 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: