Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Superexpressão do gene nia-2 em plantas transgênicas de tabaco (Nicotiana tabacum L.cv petite havana SR 1) que expressam a proteina Lhcb1*2 constitutivamente: efeitos no metabolismo do carbono e nitrogênio (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SALVATIERRA, GUILLERMO RAFAEL - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LGN
  • Subjects: CARBONO; EXPRESSÃO GÊNICA; FUMO; METABOLISMO VEGETAL; NITROGÊNIO; PLANTAS TRANSGÊNICAS
  • Language: Português
  • Abstract: O complexo antena é um complexo de proteínas associado a pigmentos, como clorofilas e carotenóides. Tem a função de coletar energia luminosa para a fotossíntese (Horton et al., 1996). A luz é um fator importante na produtividade das plantas; no entanto, pode ser um fator de estresse, quando é superior à capacidade fotossintética da planta (Gilmore, 1997). Portanto, as plantas no decorrer da evolução desenvolveram mecanismos de aclimatação e dissipação segura, evitando o excesso de energia (Horton et al., 1996); (Niyogi 1999). As proteínas Cab são as proteínas de maior abundância no complexo antena LHCIIb, e estes polipeptídeos são codificados por uma família multigênica: a família Lhc em plantas superiores (Anderson & Anderson 1988); (Bassi & Dainesse 1992), sendo este complexo fundamental para a resposta das plantas a flutuações de luz (Horton et al., 1994). O metabolismo do carbono encontra-se intimamente relacionado em diversos pontos com o metabolismo do nitrogênio (Geiger et al., 1999); (Stitt & Krapp 1999); (Huppe & Turpin 1994). Uma regulação muito precisa entre estes dois metabolismos é necessária para evitar conflitos pela disponibilidade de poder redutor e precursores orgânicos (Champigny 1995). Este trabalho tem o objetivo de estudar a regulação dos metabolismos do nitrogênio e carbono, em plantas transgênicas que produzem constitutivamente as proteínas Lhcb1*2 de ervilha e a enzima nitrato redutase (EC 1.6.6.1). A avaliação do metabolismo do carbono foi feitapor estudos de assimilação de CO2, quantificação da clorofila a, clorofila b e razão entre as duas. O metabolismo do nitrogênio foi avaliado por análises da ativação da nitrato redutase e quantificação de aminoácidos. Os resultados mostraram que as plantas transgênicas apresentam uma maior quantidade e atividade da nitrato redutase, evidenciadas pela maior atividade total e seletiva dos transformantes. Estes eventos de transformação (continua) ) aparentemente provocaram uma alteração da fotorrespiração dos indivíduos transgênicos, evidenciados pela diminuição do aminoácido serina, também foi detectada uma drástica diminuição de treonina e um aumento no conteúdo total de aminoácidos em relação aos transformantes primários (transformados só com o gene Lhcb1*2)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.01.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500022337t633.71 S182s e.2 78874
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SALVATIERRA, Guillermo Rafael; LABATE, Carlos Alberto. Superexpressão do gene nia-2 em plantas transgênicas de tabaco (Nicotiana tabacum L.cv petite havana SR 1) que expressam a proteina Lhcb1*2 constitutivamente: efeitos no metabolismo do carbono e nitrogênio. 2002.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2002.
    • APA

      Salvatierra, G. R., & Labate, C. A. (2002). Superexpressão do gene nia-2 em plantas transgênicas de tabaco (Nicotiana tabacum L.cv petite havana SR 1) que expressam a proteina Lhcb1*2 constitutivamente: efeitos no metabolismo do carbono e nitrogênio. Universidade de São Paulo, Piracicaba.
    • NLM

      Salvatierra GR, Labate CA. Superexpressão do gene nia-2 em plantas transgênicas de tabaco (Nicotiana tabacum L.cv petite havana SR 1) que expressam a proteina Lhcb1*2 constitutivamente: efeitos no metabolismo do carbono e nitrogênio. 2002 ;
    • Vancouver

      Salvatierra GR, Labate CA. Superexpressão do gene nia-2 em plantas transgênicas de tabaco (Nicotiana tabacum L.cv petite havana SR 1) que expressam a proteina Lhcb1*2 constitutivamente: efeitos no metabolismo do carbono e nitrogênio. 2002 ;