Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Investigações geofísicas na pedreira de granito ornamental, no município de Capão Bonito/SP, utilizando-se os métodos GPR e eletrorresistividade (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SOUZA JUNIOR, ABAD OLIVEIRA - IAG
  • USP Schools: IAG
  • Sigla do Departamento: AGA
  • Subjects: GEOFÍSICA APLICADA
  • Language: Português
  • Abstract: Neste trabalho foi estudado a utilização dos métodos geofísicos de Ground Penetrating Radar (GPR) e eletrorresistividade como ferramentas para o imageamento de zonas de fraturas, juntas de alivio e caracterizaçãp do topo da rocha sã. Os trabalhos foram executados em uma pedreira de granito ornamental, pertencente à emppresa SOMBRÁS (Sociedade Brasileira de Mineração S/A), localizada no Municipio de Capão Bonito-SP. O imageamento em subsuperfície permitiu subsidiar os projetos de engenharia dde minas, tais como: cubagem do volume de solo que deverá ser retirado ("bota fora"), direcionamento da frente de lavra, avaliação da metodologia de lavra, cubagem da jazida explorável e possiveis impactos ambientais. Os resultados do método GPR, permitiram localizar zonas de fraturas, com a presença de fraturas inclinadas e subhorizontais com baixo mergulho, em até cerca de 25m de profundidade. Também foram localizados matações em subsuperfície ao longo da estrada de acesso à frente de lavra e no alto da pedreira. Identificou-se em um dos perfis GPR, realizado no alto do morro, a intrusão de um dique de diabásio, confirmado pelo reconhecimento deste dique em campo. Na frente de lavra da pedreira discriminou-se uma zona pouco fraturada, entre as "juntas de alívio" (planos de bancadas), sendo esta muito promissora para a extração de blocos granitos. Os resultados das Sondagens Elétricas Verticais (SEV's) permitiram investigar até 37m de profundidade, possibilitando assim compor oseguinte modelo de camadas: i) Solo de alteração da rocha granítica com a presença de ar; ii) Solo de alteração da rocha com presença de matações; iii) Rocha granítica fraturada com a presença de água; iv)Rocha Granítica Sã com a presença de juntas de alívio e zonas de fraturas preenchidas com água. Após uma interpretação integrada, os resultados geofísicos obtidos com o método GPR e Sondagens Verticais foram comparados com dados geológicos de ) superfície, permitindo assim obter um modelo geofísico que auxilienum melhor aproveitamento na exploração da jazida
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.03.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IAG30200004478AGG 120 S697i (M)
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOUZA JÚNIOR, Abad Oliveira; PORSANI, Jorge Luis. Investigações geofísicas na pedreira de granito ornamental, no município de Capão Bonito/SP, utilizando-se os métodos GPR e eletrorresistividade. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Souza Júnior, A. O., & Porsani, J. L. (2002). Investigações geofísicas na pedreira de granito ornamental, no município de Capão Bonito/SP, utilizando-se os métodos GPR e eletrorresistividade. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Souza Júnior AO, Porsani JL. Investigações geofísicas na pedreira de granito ornamental, no município de Capão Bonito/SP, utilizando-se os métodos GPR e eletrorresistividade. 2002 ;
    • Vancouver

      Souza Júnior AO, Porsani JL. Investigações geofísicas na pedreira de granito ornamental, no município de Capão Bonito/SP, utilizando-se os métodos GPR e eletrorresistividade. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: