Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Alterações morfológicas do periodonto de sustentação em ratos tratados com methotrexate (2001)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BORELLI, ANA LÚCIA - FO
  • USP Schools: FO
  • Sigla do Departamento: ODO
  • Subjects: PERIODONTO DE INSERÇÃO; LIGAMENTO PERIODONTAL; FÁRMACOS
  • Language: Português
  • Abstract: No presente trabalho foram investigados os efeitos da administração do Metotrexate sobre o periodonto de sustentação em ratos jovens e adultos. Utilizou-se 64 ratos da linhagem Wistar, fêmeas, 32 jovens com 21 dias de idade com peso médio de 80 gramas e 32 adultos, com 75 a 85 dias e 180 gramas, divididos em 2 grupos iguais, sendo utilizados, em cada grupo, 16 animais para o experimeno de 16 para o controle. Os animais do grupo experimental (16 jovens e 16 adultos) receberam, por via intraperitoneal, Metotrexate em solução fisiológica na dosagem de 1,6mg por kg de peso, 3 vezes por semana, em dias alternados, e o grupo controle (16 jovens e 16 adultos) apenas solução fisiológica, da mesma forma e no mesmo perídodo. Os ratos foram sacrificados em grupos de 4 após 1, 2, 3 e 4 semanas de tratamento, quando retirou-se as mandíbulas e maxilas e um segmento de fígado. Essas amostras foram fixadas em formol a 10%, seguida de Bouin durante 48 horas. O material assim obtido foi desidratado, diafanizado e devidamente incluído em parafina, segundo técnica convencional, obtendo-se de cada bloco cortes de 5 micrômetros, a seguir, corados pelos métodos da Hematoxilina-eoina, Tricrômico de Masson, Reticulina de Gordon, PAS e Picrossírius-red sem e com luz polarizada, quando indicada. Os resultados revelaram que o Metotrexate não ocasiona óbito, mas determina perda de ganho de peso nos animais adultos no início do tratamento, bem como provoca alterações hepáticas, isto é,congestão, distensão sinusoidal, desarranjo, degeneração e necrose dos hepatócitos, bem como hemorragia. A análise histológica mostrou que o Metotrexate produz lesões no ligamento periodontal, osso alveolar, cemento e dentina, nos ratos jovens e adultos, mais freqüentes e acentuadas nos animais jovens e naqueles que receberam por mais tempo o medicamento. ) No ligamento periodontal provoca desorganização das fibras e feixes colágenos; no osso alveolar áreas de reabsorção com formação de superfícies irregulares, cavidades e linhas de incremento; no cemento zonas de reabsorção e reparação em extensão variada, o mesmo acontecendo na dentina com relação à reabsorção, no caso em correspondência com as alterações identificadas no cemento. O modêlo experimental foi considerado adequado para eventuais estudos da fisiopatologia do periodonto
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.04.2001

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FO11500056318T3.160
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BORELLI, Ana Lúcia; GUEDES-PINTO, Antônio Carlos. Alterações morfológicas do periodonto de sustentação em ratos tratados com methotrexate. 2001.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001.
    • APA

      Borelli, A. L., & Guedes-Pinto, A. C. (2001). Alterações morfológicas do periodonto de sustentação em ratos tratados com methotrexate. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Borelli AL, Guedes-Pinto AC. Alterações morfológicas do periodonto de sustentação em ratos tratados com methotrexate. 2001 ;
    • Vancouver

      Borelli AL, Guedes-Pinto AC. Alterações morfológicas do periodonto de sustentação em ratos tratados com methotrexate. 2001 ;