Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Quantificação de Aeromonas sp em amostras de ostras e relação com coliformes fecais e esterptococos fecais. Produção de enterotoxina e sensibilidade a antibióticos a partir das cepas isoladas (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MAYKOT, LUCIANE GOMES - ICB
  • USP Schools: ICB
  • Sigla do Departamento: BMM
  • Subjects: MICROBIOLOGIA; ALIMENTOS; OSTRA; AEROMONAS; COLIIFORMES
  • Language: Português
  • Abstract: O gênero Aeromonas vem sendo descrito como pertencente a um grupo de "patógenos emergentes", existindo relatos sobre sua capacidade de causar gastrenterites quando ingerido através de água e alimentos contaminados. No Brasil, a escassez de estudos relacionados com esse gênero de microrganismos leva à necessidade de maiores pesquisas sobre esse tema. Assim, o presente trabalho teve por objetivo averiguar a ocorrência de Aeromonas sp em amostras de ostras comercializadas na cidade de São Paulo, bem como a produção de enterotoxinas pelas cepas isoladas e sua susceptibilidade frente a alguns antimicrobianos. Além disso, tentou-se estabelecer uma relação entre o gênero Aeromonas e indicadores de poluição fecal, coliformes fecais e estreptocos fecais. Para detecção de Aeromonas sp, utilizou-se 50 amostras de ostras submetidas ao método de plaqueamento direto para contagem em ágar amido ampicilina (AAA). Obteve-se 10,7% de positividade para o gênero, com maior valor de contagem de 1,5 x 105 UFC/g. A espécie predominante foi A. caviae (73,4%), seguido de A. hydrophila (26,6%), não havendo nenhum isolamento de A. sobria. A produção de enterotoxinas determinadas pelo teste com camundongos recém nascidos foi observada em 3 (20%) cepas isoladas, sendo 2 de A. hydrophila e 1 de A. caviae. Com relação aos antimicrobianos testados, obteve-se resistência de 100% das cepas isoladas para ampicilina e vancomicina. Todas as cepas de Aeromonas sp testadas foram resistentes a, pelo menos, 2antibióticos. Não se observou relação entre a contagem de Aeromonas sp e os NMPs/ mL dos indicadores de poluição fecal
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.05.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ICB12100011734T-ICB BMM QW4 G633q 2002
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GOMES MAYKOT, Luciane; IARIA, Sebastião Timo. Quantificação de Aeromonas sp em amostras de ostras e relação com coliformes fecais e esterptococos fecais. Produção de enterotoxina e sensibilidade a antibióticos a partir das cepas isoladas. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Gomes Maykot, L., & Iaria, S. T. (2002). Quantificação de Aeromonas sp em amostras de ostras e relação com coliformes fecais e esterptococos fecais. Produção de enterotoxina e sensibilidade a antibióticos a partir das cepas isoladas. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Gomes Maykot L, Iaria ST. Quantificação de Aeromonas sp em amostras de ostras e relação com coliformes fecais e esterptococos fecais. Produção de enterotoxina e sensibilidade a antibióticos a partir das cepas isoladas. 2002 ;
    • Vancouver

      Gomes Maykot L, Iaria ST. Quantificação de Aeromonas sp em amostras de ostras e relação com coliformes fecais e esterptococos fecais. Produção de enterotoxina e sensibilidade a antibióticos a partir das cepas isoladas. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: