Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Tempo bom, meteoros no fim do período: uma história da meteorologia em meados do século XIX através das obras de Emmanuel Liais (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BARBOZA, CHRISTINA HELENA DA MOTTA - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: METEOROLOGIA (HISTÓRIA)
  • Language: Português
  • Abstract: Durante as décadas de 1850 e 1860, a meteorologia atravessou um período de intensas transformações. Do ponto de vista institucional, foram criadas redes meteorológicas cobrindo os territóios de diversos países europeus e de boa parte dos Estados Unidos. Do ponto de vista epistemológico, foram sendo apagados os últimos vestígios de uma tradição que remontava a Aristóteles, e que se caracterizava pela descrição de fenômenos meteorológicos concebidos como irregulares e imprevisíveis - os chamados "meteoros". Em seu lugar, impôs-se então o estudo do "tempo", cujo comportamento era por definição regular e portanto pasível de tradução em linguagem matemática. O objetivo desta tese foi levantar, apresentar e analisar os estudos meteorológicos realizados por Emmanuel Liais (1826-1900), sábio francês que trabalhou no Observatório de Paris e posteriormente veio a ser diretor do Imperial Observatório do Rio de Janeiro. No início da carreira científica, ainda como meteorologista amador, Liais redigiu diversos trabalhos contendo descrições de "meteoros" tipicamente aristotélicos, mas também alguns estudos que procuravam aplicar na meteorologia o mesmo tratamento matemático utilizado em áreas científicas já cosolidadas. Depois, como funcionário do Observatório de Paris, ele desenvolveu um estudo onde defendia em bases científicas a idéia de que com o auxílio de uma rede meteorológica interligada pelo telégrafo e centralizada nesta instituição seria possível prever o"tempo". Esta tese pretende demonstrar que as ambiguidades presentes no referido estudo de Liais, que afinal subsidiou a criação da rede de meteorologia telegráfica criada na França sob a direção do Observatório de Paris, refletiam de um lado sua vontade de assimilar os métodos ditos científicos nas investigações meteorológicas, e de outro lado, sua resistência em desfazer-se daquela concepção arraigada, segundo a qual os fenômenos meteorológicos eram ) essencialmente irregulares e imprevisíveis
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.11.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FFLCH21200045646T BARBOZA, C.H.M. 2002
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BARBOZA, Christina Helena da Motta; DANTES, Maria Amélia Mascarenhas. Tempo bom, meteoros no fim do período: uma história da meteorologia em meados do século XIX através das obras de Emmanuel Liais. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Barboza, C. H. da M., & Dantes, M. A. M. (2002). Tempo bom, meteoros no fim do período: uma história da meteorologia em meados do século XIX através das obras de Emmanuel Liais. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Barboza CH da M, Dantes MAM. Tempo bom, meteoros no fim do período: uma história da meteorologia em meados do século XIX através das obras de Emmanuel Liais. 2002 ;
    • Vancouver

      Barboza CH da M, Dantes MAM. Tempo bom, meteoros no fim do período: uma história da meteorologia em meados do século XIX através das obras de Emmanuel Liais. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: