Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Participação do óxido nítrico na elaboração de respostas aversivas pelo colículo inferior e pela matéria cinzenta periaquedutal dorsalateral de ratos (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MOREIRA, FABRÍCIO DE ARAÚJO - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFA
  • Subjects: ÓXIDO NÍTRICO; FÁRMACOS
  • Language: Português
  • Abstract: O óxido nítrico (NO) é um neurotransmissor gasoso, sintetizado após a ativação receptores NMDA para glutamato. A enzima de síntese do NO (sintase do óxido nítrico, NOS), está presente em estruturas do sistema nervoso central responsáveis pela elaboração de respostas a eventos aversivos, como Matéria Cinzenta Periaquedutal Dorsolateral (MCPDL) e Colículo Inferior (CI). A estimulação elétrica ou química destas estruturas, em ratos, desencadeia comportamentos de natureza aversiva (reações de fuga). É possível que o NO participe da elaboração destes comportamentos pela MCPDL, uma vez que injeções locais de inibidores de NOS resultam em efeito ansiolítico no modelo do labirinto em cruz elevado (LCE), enquanto a de doadores de NO (SIN-1 ou DEA/NO) resulta em respostas aversivas de fuga. O objetivo deste trabalho foi o estudo da participação do NO em eventos aversivos desencadeados a partir do CI ou da MCPDL. Injeção de doador de NO (SIN-1, 300 nmol), no núcleo central (mas não no córtex dorsal) do CI de ratos Wistar machos, resultou em reação de fuga caracterizada por aumento de distância percorrida, saltos e galopes em ratos submetidos ao modelo do campo aberto. Este efeito foi parcialmente inibido pelo pré-tratamento (10 min) com inibidor da guanilato ciclase (azul de metileno, 100 nmol), e impedido por pré-tratamento (10 min) com antagonista de receptores NMDA (AP7, 2 nmol). O pré-tratamento com AP7 também impediu os efeitos do SIN-1 na MCPDL. Injeção de inibidor daNOS (L-NAME, 50, 100 ou 200 nmol) no núcleo central do CI não resultou em efeito ansiolítico no modelo do LCE, ao contrário do que já se observou na MCPDL. Estes resultados sugerem a participação de NO na elaboração de respostas aversivas pelo CI, além da MCPDL. Estes efeitos do NO dependem da ativação de receptores glutamatérgicos do tipo NMDA, tanto no CI quanto na MCPDL
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.08.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200060263Moreira, Fabrício De Araújo
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MOREIRA, Fabrício de Araújo; GUIMARÃES, Francisco Silveira. Participação do óxido nítrico na elaboração de respostas aversivas pelo colículo inferior e pela matéria cinzenta periaquedutal dorsalateral de ratos. 2002.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002.
    • APA

      Moreira, F. de A., & Guimarães, F. S. (2002). Participação do óxido nítrico na elaboração de respostas aversivas pelo colículo inferior e pela matéria cinzenta periaquedutal dorsalateral de ratos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Moreira F de A, Guimarães FS. Participação do óxido nítrico na elaboração de respostas aversivas pelo colículo inferior e pela matéria cinzenta periaquedutal dorsalateral de ratos. 2002 ;
    • Vancouver

      Moreira F de A, Guimarães FS. Participação do óxido nítrico na elaboração de respostas aversivas pelo colículo inferior e pela matéria cinzenta periaquedutal dorsalateral de ratos. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: