Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

(So)Riso: correlação do sorriso de pré-escolares com índices de ajustamento social (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SARRA, SIMONE - IP
  • USP Schools: IP
  • Sigla do Departamento: PSE
  • Subjects: COMUNICAÇÃO NÃO VERBAL; PRÉ-ESCOLAR
  • Language: Português
  • Abstract: A relação das diferentes formas do sorriso com o riso foi examinada, orientada pela seguinte controvérsia: as várias características morfológicas do sorriso são simples variantes do riso (Darwin,1872/1965) ou representam expressões com bases motivacionais distintas (van Hoof, 1972 )? Participaram desta pesquisa 34 pré-escolares (8 meninos e 11 meninas no Estudo 1 e 6 meninos e 9 meninas no Estudo 2). Cada criança foi observada num total de 60 minutos (3 sessões de 10 minutos no pátio e 3 sessões de 10 minutos em sala de aula). As categorias de codificação utilizadas foram: sorriso sem exposição dos dentes ("fechado"), sorriso com exposição dos dentes superiores ("superior"), sorriso com exposição das duas fileiras de dentes ("largo") e riso. Os resultados mostraram que as várias formas do sorriso não expressam apenas diferentes intensidades de uma mesma emoção. No Estudo 1, uma estrutura bidimensional revelou-se a partir de uma Análise Fatorial. Na primeira dimensão (Fator 1), que poderia ser denominada brincadeira/agressividade "disfarçada", encontrou-se "sorriso largo" e riso. Na outra dimensão (Fator 2) , que poderia ser denominada amizade/apaziguamento, encontrou-se o "sorriso fechado" e o "sorriso superior". Observou-se, ainda, que o "sorriso largo" e o riso apresentaram cargas positivas no Fator 1, enquanto o "sorriso fechado" e o "sorriso superior" apresentaram cargas opostas no Fator 2. No Estudo 2, a estrutura fatorial identificada no Estudo 1 foiparcialmente replicada. No Fator 1, o "sorriso largo" e o riso continuaram a apresentar cargas positivas elevadas. No Fator 2, entretanto, o "sorriso fechado" e o "sorriso superior" não mais apresentaram cargas opostas: Foram encontradas correlações, nos dois estudos, entre o comportamento expressivo da criança e avaliações obtidas de sua professora. No Estudo 1, quanto mais expressiva a criança, mais esta foi avaliada como alegre, líder e competente ) socialmente. Algumas variações foram encontradas no Estudo 2
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.06.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IP12300011904T BF637.C45 S247s e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SARRA, Simone; OTTA, Emma. (So)Riso: correlação do sorriso de pré-escolares com índices de ajustamento social. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Sarra, S., & Otta, E. (2002). (So)Riso: correlação do sorriso de pré-escolares com índices de ajustamento social. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Sarra S, Otta E. (So)Riso: correlação do sorriso de pré-escolares com índices de ajustamento social. 2002 ;
    • Vancouver

      Sarra S, Otta E. (So)Riso: correlação do sorriso de pré-escolares com índices de ajustamento social. 2002 ;