Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

As lentidões de trânsito na cidade de São Paulo: uma análise exploratória dos dados (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: UETA, PAULO SEITI - EP
  • USP Schools: EP
  • Sigla do Departamento: PTR
  • Subjects: CONGESTIONAMENTOS
  • Language: Português
  • Abstract: Os congestionamentos de trânsito são uma realidade vivida por milhões de pessoas na cidade de São Paulo. No presente estudo procurou-se realizar uma avaliação do procedimento utilizado atualmente para a quantificação dos congestionamentos na cidade, baseado na observação da extensão de filas, medida denominada de lentidão do sistema viário. Atualmente são monitorados cerca de 560 quilômetros do sistema viário principal da cidade, concentrados principalmente na área interna ao que é conhecido como Centro Expandido, observados a partir de 46 Postos Avançados de Campo (Pacs) e 50 câmeras de monitoração. As medidas de lentidão são atualizadas a cada 30 minutos, no período das 7:00 às 20:00. A pesquisa bibliográfica realizada para o estudo mostrou que o uso deste indicador, como um parâmetro global de congestionamento, não é comum. As medidas de filas e os métodos de análise de sua propagação são sugeridos para avaliação de questões localizadas, como por exemplo, a coordenação das fases de uma rede semafórica ou a análise de gargalos no sistema viário. Por meio de uma análise comparativa de dados de lentidão com outras variáveis relacionadas à fluidez, procurou-se fazer uma avaliação do indicador de lentidão para caracterizar a qualidade da operação do tráfego. Também se verificou a possibilidade de utilizar a medida de lentidão para identificar locais que se constituem gargalos da fluidez no sistema viário, e, ainda, como eventos não recorrentes de tráfego,que afetam a fluidez ou a segurança viária, influenciam a lentidão nos corredores. O estudo para avaliar a qualidade da medida contemplou uma série histórica com dados de lentidão e tempos de percurso de uma amostra de veículos, registrados para o ano de 2001. O estudo de caso para a avaliação de metodologia para identificação de locais que constituem gargalos analisou a freqüência de ocorrências de lentidão em cinco corredores de tráfego selecionados; para o ) estudo dos efeitos das ocorrências de trânsito sobre a lentidão, foram considerados 9 diferentes tipos de ocorrências. Resultados obtidos a partir da análise comparativa da lentidão e da velocidade de percurso em trechos específicos do sistema viários não indicaram uma relação clara entre as variáveis analisadas, sugerindo que a lentidão não se configura como um bom indicador de qualidade de condições operacionais localizadas ou pontuais. A avaliação da medida de lentidão como um indicador global, por outro lado, mostrou que esta é uma medida robusta, quando confrontada com um indicador de lentidão alternativo, que pondera a extensão de congestionamento em cada trecho considerado pela quantidade de faixas de tráfego correspondente. As duas medidas tornam-se cada vez mais correlatas, a medida que o sistema torna-se mais saturado. As medidas de recorrência de lentidão ao longo do ano, obtidas através da série histórica de observações, mostraram-se úteis para identificar seções, nos corredores de tráfegoanalisados, que se configuram como gargalos para fluidez do sistema. As análises realizadas permitiram associar causas diversas aos gargalos observados. Finalmente, a avaliação do efeito das ocorrências de trânsito sobre a lentidão apresentou resultados inesperados e inconclusivos. Esses resultados podem ser atribuídos, em princípio, à baixa resolução temporal e espacial das informações disponíveis, o que dificulta sua associação de forma correta
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.10.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EPEC31400020031FD-3220
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      UETA, Paulo Seiti; STRAMBI, Orlando. As lentidões de trânsito na cidade de São Paulo: uma análise exploratória dos dados. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Ueta, P. S., & Strambi, O. (2002). As lentidões de trânsito na cidade de São Paulo: uma análise exploratória dos dados. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ueta PS, Strambi O. As lentidões de trânsito na cidade de São Paulo: uma análise exploratória dos dados. 2002 ;
    • Vancouver

      Ueta PS, Strambi O. As lentidões de trânsito na cidade de São Paulo: uma análise exploratória dos dados. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: