Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Espaçamentos ultra-adensado, adensado e convencional com densidade populacional variável em algodoeiro (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, ARIANA VIEIRA - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LPV
  • Subjects: ALGODÃO; ESPAÇAMENTO; REGULADORES DE CRESCIMENTO VEGETAL
  • Language: Português
  • Abstract: No presente estudo foi avaliado a densidade populacional, por espaçamentos ultra-adensado, adensado e convencional entre fileiras e número de plantas por metro linear, através do crescimento, desenvolvimento e produtividade da cultivar de algodão IAC 23. O experimento foi conduzido na área experimental da ESALQ/USP, município de Piracicaba, Estado de São Paulo, no ano agrícola de 2001/02. O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso em esquema fatorial, com 4 repetições, sendo três espaçamentos entre linhas (0,38, 0,76 e 0,95 m) e quatro densidades de plantas por metro linear (5, 8, 11 e 14). O controle da altura das plantas foi realizado através de regulador de crescimento. Em cada parcela experimental foram marcadas seis plantas ao acaso e analisados os seguintes parâmetros: estádios fenológicos, altura média das plantas, altura de inserção do 1º ramo frutífero, diâmetro do caule, número de ramos vegetativos e frutíferos, número de internódios e o número de capulhos por planta. Em duas plantas foram avaliados o índice de área foliar e a massa seca da parte aérea. Na área útil de cada parcela foi determinada a produção de algodão em caroço, a precocidade de colheita e em amostras de 20 capulhos por parcela foram realizadas as análises dos caracteres agronômicos de laboratório (massa média de uma capulho, massa de 100 sementes e porcentagem de fibra) e das características tecnológicas da fibra (comprimento da fibra, uniformidade de comprimento, tenacidade,micronaire e maturidade). Pelos resultados obtidos concluí-se que as condições ambientais foram favoráveis para o crescimento e desenvolvimento da cultivar IAC 23, completando o ciclo em 161 dias; quanto menor o espaçamento e maior a densidade de plantas na linha, maior o IAF durante o ciclo, menor o diâmetro do caule pelo estiolamento das plantas e menor o número de capuhos por planta; quanto maior o espaçamento e menor a densidade de plantas na ) linha, maior a massa seca da parte aérea e a altura média das plantas durante o ciclo; o índice de colheita é maior conforme o aumento do espaçamento enquanto que não altera com a densidade de plantas; maior densidade de plantas na linha eleva a altura de inserção do 1º ramo frutífero; independente do espaçamento e da densidade, o número de ramos vegetativos não é alterado enquanto que o número de ramos frutíferos e o número de internódios diminui com o aumento da população de plantas por área; a produção de algodão em caroço foi 12% e 8,4 % superior nos espaçamentos ultra-adensado e adensado, respectivamente, comparado ao convencional; no espaçamento ultra-adensado na menor densidade de plantas na linha, a produção de algodão em caroço foi 29,2% e 22,3% superior, respectivamente às produções dos espaçamentos adensado e convencional na mesma densidade de plantas na linha; a precocidade de colheita praticamente não é alterada na cultivar IAC 23, sobretudo com o aumento da população de plantas por área; oscaracteres agronômicos de laboratório e as características tecnológicas da fibra não foram alteradas nas populações de plantas estudadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.01.2003
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500101302-St633.51 S586e ex.1 80755
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Ariana Vieira; CHIAVEGATO, Ederaldo José. Espaçamentos ultra-adensado, adensado e convencional com densidade populacional variável em algodoeiro. 2003.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2003. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-17032003-162541/ >.
    • APA

      Silva, A. V., & Chiavegato, E. J. (2003). Espaçamentos ultra-adensado, adensado e convencional com densidade populacional variável em algodoeiro. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-17032003-162541/
    • NLM

      Silva AV, Chiavegato EJ. Espaçamentos ultra-adensado, adensado e convencional com densidade populacional variável em algodoeiro [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-17032003-162541/
    • Vancouver

      Silva AV, Chiavegato EJ. Espaçamentos ultra-adensado, adensado e convencional com densidade populacional variável em algodoeiro [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-17032003-162541/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: