Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo retrospectivo das complicações pós-operatórias no período de recuperação anestésica, nos pacientes submetidos à cirurgia primária de lábio e palato (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BIAZON, JANIR - EE
  • USP Schools: EE
  • Subjects: FISSURA LÁBIOPALATINA; COMPLICAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS
  • Language: Português
  • Abstract: O estudo retrospectivo das complicações de cirurgias primárias de lábio e palato dos pacientes na sala de recuperação anestésica, do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo, teve como objetivos caracterizar a amostra segundo as variáveis demográficas, identificar as complicações mais freqüentes, e verificar a relação entre as complicações identificadas e as variáveis demográficas. A amostra foi constituída de 484 prontuários de pacientes submetidos à cirurgia primária de lábio e palato, no período de novembro de 2000 a abril de 2001. Nos resultados deste estudo, houve o predomínio do sexo masculino e da raça branca, a mediana de idade foi 12 meses, a fissura mais incidente foi a transforame, e o tipo de cirurgia predominante foi a queiloplastia. Dos 484 pacientes em estudo, 58,05% tiveram pelo menos uma ou mais complicações no pós-operatório. As complicações do sistema nervoso central foram dor (22,31%), agitação/disforia (8,47%) e sonolência (1,65%); as complicações respiratórias foram desaturação de oxigênio (17,36%), hipoventilação (6,20%), obstrução respiratória alta (2,89%) e edema de língua (1,23%); as complicações cardiovasculares foram taquicardia (16,74%), bradicardia (0,63%), hipertensão (0,21%) e hipotensão (0,21%); as complicações gastrointestinais foram náusea e vômito (1,03%) e as outras complicações se manifestaram como hipotermia (10,95%), hipertermia (4,33%), hemorragia (5,58%). Todas as análises efetuadasforam consideradas significativas quando p< 0,05. A dor foi a complicação mais freqüente deste grupo estudado, particularmente nos pacientes submetidos à queiloplastia, seguida da, desaturação de oxigênio. As ocorrências de hemorragia e obstrução respiratória alta tiveram maior incidência em pacientes submetidos à palatoplastia
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.04.2003

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EE10200007518T2347
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BIAZON, Janir; PENICHE, Aparecida de Cássia Giani. Estudo retrospectivo das complicações pós-operatórias no período de recuperação anestésica, nos pacientes submetidos à cirurgia primária de lábio e palato. 2003.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2003.
    • APA

      Biazon, J., & Peniche, A. de C. G. (2003). Estudo retrospectivo das complicações pós-operatórias no período de recuperação anestésica, nos pacientes submetidos à cirurgia primária de lábio e palato. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Biazon J, Peniche A de CG. Estudo retrospectivo das complicações pós-operatórias no período de recuperação anestésica, nos pacientes submetidos à cirurgia primária de lábio e palato. 2003 ;
    • Vancouver

      Biazon J, Peniche A de CG. Estudo retrospectivo das complicações pós-operatórias no período de recuperação anestésica, nos pacientes submetidos à cirurgia primária de lábio e palato. 2003 ;