Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Desenvolvimento de sistemas analíticos baseados em multicomutação em fluxo monossegmentado empregando ar como fluido transportador e um aquecedor integrado ao módulo de análise. Determinação de amônio e manganês (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SMIDERLE, MARISA - IQSC
  • USP Schools: IQSC
  • Subjects: ESPECTROFOTOMETRIA; QUÍMICA ANALÍTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho apresenta o desenvolvimento de dois procedimentos analíticos baseados em multicomutação e amostragem binária para determinação espectrofotométrica de manganês e amônio em plantas e fertilizantes. No primeiro procedimento analítico foi desenvolvido um sistema monossegmentado por bolhas de ar, usando ar como fluido transportador com detecção infravermelha a fim de indicar a presença da zona de amostra na cela de fluxo. O sistema foi aplicado na determinação de amônio em plantas e fertilizantes baseado na reação de Berthelot. Para a análise de fertilizante o sistema apresentou: um consumo de 633 mL de efluente; um desvio padrão relativo de 1,83 % (n=11); um coeficiente de correlação de r=0,996 na faixa de 60 a 400 mg L-1 NH4+; freqüência analítica de 55 determinações por hora; limite de detecção de 1,52 mg L-1 NH4+. Para a determinação de amônio em plantas foram obtidas as seguintes características analíticas: um volume de 275 mL de efluente gerado; desvio padrão relativo de 2,0 % (n=6); coeficiente de correlação de r=0,999 na faixa de 1,0 a 6,0 % (v/v) NH4+; freqüência analítica de 57 determinações por hora; limite de detecção de 0,16 % (v/v) de NH4+. No segundo procedimento analítico foi desenvolvido um dispositivo para aquecimento em sistemas de análise química em fluxo. O sistema foi aplicado na determinação de manganês em plantas, empregando o método baseado na oxidação de Mn+2 a MnO4- pelo periodato de sódio em meio de ácido fosfórico. Oprocedimento apresentou as seguintes características analíticas: um volume de 633 mL de efluente gerado; um desvio padrão relativo de 1,26 % (n=6); um coeficiente de correlação de r=0,999 na faixa de 5 a 30 mg L-1 Mn+2; freqüência analítica de 22 determinações por hora; limite de detecção de 1,2 mg L-1 de Mn+2. O controle dos sistemas desenvolvidos foi realizado empregando válvulas solenóides, sendo que a aquisição de dados foi efetuada por meio de um programa ) escrito em linguagem Quick BASIC 4.5. Os resultados obtidos para a determinação de Mn+2 foram comparados com aqueles obtidos por espectrometria de emissão óptica com plasma acoplado indutivamente (ICP-OES), enquanto os resultados da determinação de amônio foram comparados com o sistema FIA usual com detecção condutimétrica. Aplicando-se o teste-t pareado não foi observada diferença significativa entre os métodos em nível de confiança de 90 %
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.06.2003

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IQSC30800013719T1466R
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SMIDERLE, Marisa; REIS, Boaventura Freire dos. Desenvolvimento de sistemas analíticos baseados em multicomutação em fluxo monossegmentado empregando ar como fluido transportador e um aquecedor integrado ao módulo de análise. Determinação de amônio e manganês. 2003.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2003.
    • APA

      Smiderle, M., & Reis, B. F. dos. (2003). Desenvolvimento de sistemas analíticos baseados em multicomutação em fluxo monossegmentado empregando ar como fluido transportador e um aquecedor integrado ao módulo de análise. Determinação de amônio e manganês. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Smiderle M, Reis BF dos. Desenvolvimento de sistemas analíticos baseados em multicomutação em fluxo monossegmentado empregando ar como fluido transportador e um aquecedor integrado ao módulo de análise. Determinação de amônio e manganês. 2003 ;
    • Vancouver

      Smiderle M, Reis BF dos. Desenvolvimento de sistemas analíticos baseados em multicomutação em fluxo monossegmentado empregando ar como fluido transportador e um aquecedor integrado ao módulo de análise. Determinação de amônio e manganês. 2003 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: