Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Oclusopatias na dentição decídua: acúmulo de riscos à primeira infância (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PERES, KAREN GLAZER DE ANSELMO - FSP
  • USP Schools: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • Subjects: MALOCLUSÃO (EPIDEMIOLOGIA); DENTIÇÃO DECÍDUA
  • Language: Português
  • Abstract: Teve como objetivo conhecer os fatores de risco acumulados do nascimento à infância para as oclusopatias na dentiçäo decídua. Foi realizado um estudo transversal sobre oclusopatias, aninhado ao estudo de coorte de nascidos vivos em Pelotas, 1993, numa amostra de 400 crianças aos 6 anos de idade. Foram utilizados os critérios de Foster e Hamilton para a classificaçäo das oclusopatias e todas as informações socioeconômicas, perinatais e da vida das crianças foram obtidas através de segmentos da coorte realizados ao nascimentos, no primeiro, terceiro, sexto e décimo segundo mês de vida e aos 5 anos de idade. Foram realizadas análises univariadas através do Qui-quadrado e análise de regressäo logística múltipla näo condicional a partir do modelo hierárquico proposto. A prevalência de moradia anterior foi de 46,3 por cento (IC95 por cento[41,2 por cento; 51,4 por cento]), de moradia cruzada posterior 18,2 por cento (IC95 por cento[14,2 por cento; 22,2 por cento]) e a prevalência de oclusopatia de caninos do tipo 2 ou 3 foi igual a 15,2 por cento (IC95 por cento[11,5 por cento; 18,9 por cento]). Os fatores de risco para a presença de mordida aberta anteriores foram a idade da mäe entre 30 e 39 anos (OR=2,4[1,1;5,5]), o tempo de amamentaçäo natural entre 4 e 8,9 meses (OR=3,0[1,7;5,9]), 1 e 3,9 meses (OR=3,1[1,7;5,6]) e menor do que 1 mês (OR=2,4[1,1;4,9]), a intençäo da mäe em oferecer bico à criança desde o nascimento (OR=3,0[1,2;7,9]), a ocorrência de cárie dentária(OR=2,0[1,2;3,4]), o uso de bico entre 12 meses e 5 anos de idade (OR=10,6[5,8;19,1]) e a sucçäo digital (OR=3,1[1,3;7,2]). Para a presença de mordida cruzada foram fatores de risco o trabalho materno ao nascimento no limite da significância estatística (OR=1,7[1,0;3,0]), o tempo de amamentaçäo natural entre 4 e 8,9 meses (OR=3,0[1,2;7,5]) e 1 e 3,9 meses (OR=3,1[1,3;7,3]) e a presença de oclusopatias de caninos (OR=3,8[1,9;7,4]).(continua) Os fatores de risco para a presença de oclusopatias de caninos foram a presença de dentes cariados ou perdidos por cárie (OR=2,1[1,1;4,2]) e a presença de mordida cruzada posterior (OR=3,0[1,6;5,8]). As oclusopatias foram associadas a situações de risco acumulados durante a vida da criança e comuns a outros problemas de saúde, o que reforça a teoria de riscos comuns
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.11.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FSP11800029478617.601 158
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PERES, Karen Glazer de Anselmo; LATORRE, Maria do Rosário Dias de Oliveira. Oclusopatias na dentição decídua: acúmulo de riscos à primeira infância. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Peres, K. G. de A., & Latorre, M. do R. D. de O. (2002). Oclusopatias na dentição decídua: acúmulo de riscos à primeira infância. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Peres KG de A, Latorre M do RD de O. Oclusopatias na dentição decídua: acúmulo de riscos à primeira infância. 2002 ;
    • Vancouver

      Peres KG de A, Latorre M do RD de O. Oclusopatias na dentição decídua: acúmulo de riscos à primeira infância. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: