Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo comparativo da hemodiluição isovolêmica moderada com Albumina A 3%, Dextran - 40 e Enoxaparina na prevenção da trombose venosa microcirúrgica em ratos (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FARINA JUNIOR, JAYME ADRIANO - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCA
  • Subjects: DOENÇAS VASCULARES (PREVENÇÃO E CONTROLE); CLÍNICA CIRÚRGICA
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo foi realizado em ratos submetidos a um modelo trombogênico para investigar a prevenção da trombose venosa de microanastomoses da veia femoral, empregando a hemodiluição isovolêmica moderada, dextran e enoxaparina. Foram utilizados 40 ratos, machos, da raça wistar, pesando entre 350 - 450 g, divididos em quatro grupos de 10: Grupo 1 -modelo trombogênico sem tratamento prévio; Grupo 2 -modelo trombogênico com hemodiluição prévia (hematócrito de ± 30%); Grupo 3 - modelo trombogênico tratado previamente com dextran e Grupo 4 - modelo trombogênico tratado com enoxaparina. A hemodiluição foi realizada por sangria e infusão simultânea de volume idêntico de solução de albumina a 3%. Após secção e anastomose com pontos separados da veia femoral, passou-se um ponto, proximal à anastomose, para reduzir à metade a luz da veia, produzindo-se assim um modelo trombogênico nos quatro grupos. Foram avaliadas a agregação plaquetária, a concentração de fibrinogênio plasmático, a concentração plasmática de complexo trombina-antitrombina (TAT) e a contagem global das células sangüíneas. Também foram avaliados os índices de perviedade venosa aos 20 minutos e 48 horas, e realizado estudo histopatológico após 48 horas. A microscopia evidenciou que o ponto transfixante do modelo trombogênico reduziu a luz da veia entre 45 - 50%, nos quatro grupos. Vinte minutos após a anastomose, observou-se obstrução em 100% (10/10) dos ratos do grupo 1, em 30% (3/10) dos ratos comhemodiluição prévia (p=0.0015), em 20% (2/10) do grupo do dextran (p=0.0004) e em 60% (6/10) do grupo da enoxaparina (p=0.0433). Após 48 horas, foram reavaliadas as anastomoses nos quatro grupos, e observou-se ainda obstrução em 100% (10/10) do grupo 1, em 50% (5/10) do grupo 2 (p=0.0163), em 80% (8/10) do grupo 3 (p=0.2368) e em 100% (10/10) do grupo 4. O estudo histopatológico mostrou que o grupo hemodiluído apresentou o menor índice de trombose mural, .. 12.5% (1/8), em relação ao grupo-controle, 90% (9/10) (p=0.0019). Os grupos da enoxaparina e do dextran tiveram índice de trombose de 50% (5/10) (p=0.0704) e 70% (7/10) (p=0.2910), respectivamente. A avaliação da hemostasia por agregação plaquetária e concentração de fibrinogênio plasmático foi semelhante nos quatro grupos. O grupo da enoxaparina apresentou redução significativa no número de plaquetas e na concentração média do complexo trombina-antitrombina (TAT), em relação ao grupo- controle. Conclui-se, com base no estudo de perviedade e histopatológico, que a hemodiluição isovolêmica com albumina a 3% é o método mais eficaz na redução da incidência de obstrução venosa após 20 minutos e 48 horas, e de trombose após 48 horas, quando comparada ao tratamento com dextran e enoxaparina
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.04.2003

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200033514Farina Jnior, Jayme Adriano
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FARINA JÚNIOR, Jayme Adriano; PICCINATO, Carlos Eli. Estudo comparativo da hemodiluição isovolêmica moderada com Albumina A 3%, Dextran - 40 e Enoxaparina na prevenção da trombose venosa microcirúrgica em ratos. 2003.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2003.
    • APA

      Farina Júnior, J. A., & Piccinato, C. E. (2003). Estudo comparativo da hemodiluição isovolêmica moderada com Albumina A 3%, Dextran - 40 e Enoxaparina na prevenção da trombose venosa microcirúrgica em ratos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Farina Júnior JA, Piccinato CE. Estudo comparativo da hemodiluição isovolêmica moderada com Albumina A 3%, Dextran - 40 e Enoxaparina na prevenção da trombose venosa microcirúrgica em ratos. 2003 ;
    • Vancouver

      Farina Júnior JA, Piccinato CE. Estudo comparativo da hemodiluição isovolêmica moderada com Albumina A 3%, Dextran - 40 e Enoxaparina na prevenção da trombose venosa microcirúrgica em ratos. 2003 ;