Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Análise do processo de transição democrática na África Lusófana: o caso Guiné-Bissau (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: JAUARA, MANUEL - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FSL
  • Subjects: RELAÇÕES ÉTNICAS E RACIAIS; DEMOCRACIA
  • Language: Português
  • Abstract: Nesta tese, dedicamos o nosso esforço em revelar capítulo por capítulo a complexidade da relação política, econômica e social entre dois grupos sociais determinantes (luso-africanos e etnorrurais), para o processo da construção da nação, transição democrática e consolidação da estabilidade política na África Lusófona, em particular na Guiné-Bissau. A fricção subjetiva ou explícita existente entre os etnorrurais e os luso-africanos, no interior do PAIGC (Partido Africano para Independência da Guiné e Cabo Verde), na época partido único, e também, nesse momento de transição democrática, vem sendo a causa central das dificuldades política e econômica da Guiné-Bissau. Sem estabilidade política, o processo de transição democrática não se consolidará e, sem esta, as instabilidades política e econômica será constantes. Neste estudo, procuramos dar ênfase à análise dessa relação, que estudamos minuciosamente através de pesquisa de campo, nos programas, nos planos de desenvolvimento sócio-econômico dos partidos legalizados e no perfil sociocultural, além da origem social e/ou étnica da elite dirigente. Isso porque a relação entre a elite luso-africana e as lideranças etnorrurais é uma relação problemática e complexa como já referimos. Ilustramos fartamente a fricção entre esses dois grupos relevantes para a consolidação da democracia nesse país na divisão do poder no interior do movimento da guerrilha, no interior do partido único (PAIGC) pós-independência, na formaçãodos vários governos e nos principais congressos do partido único. Os luso-africanos, maiores beneficiados pelo investimentos públicos desde a época colonial até os dias atuais, se recusam sistematicamente a se submeterem a quaisquer sacrifícios em benefício dos mais pobres. Continuam, ainda, a pressionar o poder público não só ) para conservar, como também para ampliar a sua capacidade de extração de recurso público. Os etnorrurais, com menos temor da repressão política e cientes do poder político que possuem atualmente, pressionam também o poder, para que suas demandas sejam atendidas. Ameaçam o poder e os políticos de redirecionar o voto nas futuras eleições caso não tenham seus pleitos atendidos. Por isso, parece-nos de capital importância para a estabilidade política da Guiné-Bissau que se articule a construção da unidade nacional, o que certamente exigirá mais atuação política do Estado no sentido de integrar a nação. Talvez seja necessário articular novas alianças nas condições do novo momento político que o país atravessa: negociação de uma aliança entre a elite e os líderes desses dois importantes grupos sociais da Guiné-Bissau. Essa aliança é factível, como ilustramos em vários momentos desta tese, e capaz de trazer estabilidade política e estímulo a produtividade, como ocorreu em outros momentos políticos da história recente desse país
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.10.2003

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FFLCH21000053084T JAUARA, M. 2003 v.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      JAUARÁ, Manuel; LEITE, Fábio Rubens da Rocha. Análise do processo de transição democrática na África Lusófana: o caso Guiné-Bissau. 2003.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2003.
    • APA

      Jauará, M., & Leite, F. R. da R. (2003). Análise do processo de transição democrática na África Lusófana: o caso Guiné-Bissau. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Jauará M, Leite FR da R. Análise do processo de transição democrática na África Lusófana: o caso Guiné-Bissau. 2003 ;
    • Vancouver

      Jauará M, Leite FR da R. Análise do processo de transição democrática na África Lusófana: o caso Guiné-Bissau. 2003 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: