Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo sobre as qualidades psicométricas do "oral health impact profile-14" (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: JACOBOVITZ, FABIO - FORP
  • USP Schools: FORP
  • Sigla do Departamento: 805
  • Subjects: REABILITAÇÃO BUCAL; MÉTODOS DE APLICAÇÃO DE TESTES (AVALIAÇÃO)
  • Language: Português
  • Abstract: Nos últimos anos, vários instrumentos de medida que avaliam as conseqüências de doenças orais têm sido desenvolvidos. Hoje, a qualidade devida é reconhecidamente um importante fator na atenção à saúde oral. Nesse sentido, o Oral Health Impact Profile (OHIP) é um dos instrumentos mais sofisticados e compreensivos desenvolvidos até o momento. A versão simplificada do OHIP foi também desenvolvida, e vem demonstrando boas propriedades psicométricas. Este trabalho tem como objetivos traduzir, adaptar, validar e determinar a precisão do OHIP-14 para a cultura brasileira. Método: Três professores da língua inglesa traduziram independentemente, a versão original para o português do Brasil. Um juiz avaliou as três traduções, e uma versão consensual foi gerada. Um novo tradutor, sem saber da existência do questionário original, realizou a retrotradução. Essa versão foi então comparada com o questionário original em inglês. As duas versões foram consideradas gramaticalmente e semanticamente equivalentes. A versão consensual do questionário foi então pré-testada em 30 pacientes. Problemas de interpretação das questões foram corrigidos por uma especialista em lingüística, obtendo-se a versão final do questionário. Esta versão foi aplicada a 40 docentes, 40 funcionários, 40 alunos e 160 pacientes (n = 280; média de idade = 42 anos; DP = 16,08) da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo. Dados sócio-demográficos e de autopercepção dasaúde oral e da necessidade de tratamento também foram coletados. O grau de consistência interna foi elevado ('alfa' de Cronbach = 0,90). Análises de correlação, Regressão linear e ANOVA (paramétrica e não-paramétrica) indicaram validade de constructo (conceito) da versão brasileira do OHIP-14. Os escores do OHIP-14 aumentaram à medida que a autopercepção dos indivíduos mudou do muito saudável para o ... muito doente (r = 0,57; p < 0.001). Os indivíduos com maior necessidade de tratamento odontológico também apresentaram escores mais elevados do que os que possuíam uma menor necessidade de tratamento (p < 0.001). A versão adaptada do OHIP-14 para a cultura brasileira demonstrou alto coeficiente de precisão e validade, e pode ser considerada satisfatória para uso no Brasil
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.08.2003

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FORP11700007187Jacobovitz, Fbio
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      JACOBOVITZ, Fábio; ALBUQUERQUE JÚNIOR, Rúbens Ferreira de. Estudo sobre as qualidades psicométricas do "oral health impact profile-14". 2003.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2003.
    • APA

      Jacobovitz, F., & Albuquerque Júnior, R. F. de. (2003). Estudo sobre as qualidades psicométricas do "oral health impact profile-14". Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Jacobovitz F, Albuquerque Júnior RF de. Estudo sobre as qualidades psicométricas do "oral health impact profile-14". 2003 ;
    • Vancouver

      Jacobovitz F, Albuquerque Júnior RF de. Estudo sobre as qualidades psicométricas do "oral health impact profile-14". 2003 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: