Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Afetividade e aquisição de línguas estrangeiras: um estudo sobre as emoções e sentimentos no processo de aprendizagem de Língua Inglesa (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: WEIGEL, ADRIANA RANELLI - FE
  • USP Schools: FE
  • Subjects: LÍNGUA INGLESA (ESTUDO E ENSINO); APRENDIZAGEM; EMOÇÕES; COGNIÇÃO; AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho investiga o papel das emoções e sentimentos na aprendizagem da língua estrangeira, nomeadamente a da língua inglesa. Para tanto, utiliza uma abordagem de pesquisa de cunho etnográfico e estuda dados oriundos de diários pessoais, escritos por alunos adultos, universitários, durante um curso de língua inglesa. Trata-se de uma pesquisa com análise e interpretação de dados qualitativa, que busca compreender as manifestações emocionais como fenômenos individuais que são cognitivamente construídos em função do contexto pragmático nos quais ocorrem (neste caso, a sala de aula de língua inglesa) e em função do contexto mental dessas experiências, em outras palavras, das crenças, estilos e estratégias de aprendizagem dos alunos. Observou-se a importância das tarefas de aprendizagem, do professor e, sobretudo, do grupo (os colegas) para as ocorrências emocionais. Além disso, a análise mostrou, também, a importância da investigação da história de aprendizagem da língua, uma vez que ela parece estar relacionada às crenças, aos estilos e às estratégias de aprendizagem. Outro aspecto bastante relevante para as experiências emocionais foi o da avaliação. O presente estudo mostrou a complexidade do processo avaliativo que se deu em três níveis distintos: a avaliação feita pelo professor, a avaliação feita pelos colegas e a natural avaliação que o aluno faz de seu próprio desempenho. Notou-se ainda que, em uma abordagem de ensino que provoca aparticipação ativa dos alunos e que prioriza a comunicação oral, as experiências emocionais (positivas e negativas) são diversas, coexistentes e podem ser modificadas ao longo do processo de aprendizagem com tal abordagem. Esse processo está orientado, sobretudo na vontade dos alunos de se sentirem acolhidos pelo grupo e de construírem uma "cultura de aprendizagem" da língua
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.04.2004

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FE20500087517375.132 W419a
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      WEIGEL, Adriana Ranelli; FERRO, Gláucia d'Olim Marote. Afetividade e aquisição de línguas estrangeiras: um estudo sobre as emoções e sentimentos no processo de aprendizagem de Língua Inglesa. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.
    • APA

      Weigel, A. R., & Ferro, G. d'O. M. (2004). Afetividade e aquisição de línguas estrangeiras: um estudo sobre as emoções e sentimentos no processo de aprendizagem de Língua Inglesa. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Weigel AR, Ferro G d'OM. Afetividade e aquisição de línguas estrangeiras: um estudo sobre as emoções e sentimentos no processo de aprendizagem de Língua Inglesa. 2004 ;
    • Vancouver

      Weigel AR, Ferro G d'OM. Afetividade e aquisição de línguas estrangeiras: um estudo sobre as emoções e sentimentos no processo de aprendizagem de Língua Inglesa. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: