Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Métodos para condicionamento fisiológico de sementes de cebola e influência da secagem e armazenamento (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CASEIRO, ROSELI FATIMA - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LPV
  • Subjects: ARMAZENAMENTO AGRÍCOLA; CEBOLA; INCUBADORAS; FISIOLOGIA VEGETAL; SECAGEM DE ALIMENTOS; SEMENTES; BALANÇO HÍDRICO
  • Language: Português
  • Abstract: A pesquisa foi conduzida nos laboratórios de Análise de Sementes do Departamento de Produção Vegetal, USP/ESALQ, e do Departamento de Horticultura e Agricultura da Universidade do Estado de Ohio, Columbus, OH, E.U.A. O trabalho procurou avaliar a eficiência de diferentes processos de condicionamento fisiológico de sementes de cebola, bem como estudar o efeito da secagem e do armazenamento sobre o potencial fisiológico das sementes condicionadas. O trabalho foi conduzido em três etapas; na primeira, utilizando-se 6 lotes de sementes do cultivar Granex 33, avaliaram-se três procedimentos para o condicionamento fisiológico: a) hidratação das sementes entre folhas de papel toalha, durante 48 e 96 horas, a 15ºC; b) osmocondicionamento em solução de PEG 8000, sob potenciais hídricos de -0,5 MPa e -1,0 MPa, durante 24 e 48 horas, a 15ºC e c) hidratação das sementes com utilização do método do tambor, a 15ºC e 25ºC, em que as quantidades de água adicionadas e o período de hidratação foram variáveis entre os diferentes lotes. A segunda etapa constou do estudo de diferentes procedimentos de secagem após ocondicionamento fisiológico. Para tanto, após o hidrocondicionamento entre folhas de papel toalha, por 48h, seis lotes do cultivar Petroline, foram submetidos a secagem rápida (em estufa com circulação de ar) e a secagem lenta (em câmara a 20ºC e umidade relativa de 50%-55% durante 72h). Foi também, avaliada a influência da incubação pré-secagem,utilizando-se: a) soluções de PEG 8000, a 8ºC durante 24, 72 ou 120 horas; b) banho-maria a 40ºC, durante 1, 3 e 5 horas; e c) em estufa, a 35ºC, durante 24 e 48 horas. Na terceira fase da pesquisa, avaliou-se o potencial de armazenamento das sementes, de quatro lotes de sementes de três cultivares (Petroline, Primavera e Crioula Mercosul), submetidas ao hidrocondicionamento e secagem rápida; as sementes foram armazenadas em câmara seca (50% de umidade relativa do ar, a 20ºC) e em ambiente de laboratório, durante 9 meses. Os resultados permitiram concluir que: a) o hidrocondicionamento, envolvendo a embebição entre folhas de papel toalha, constitui procedimento adequado para o condicionamento fisiológico de sementes de cebola, beneficiando principalmente a velocidade de germinação; b) a definição de procedimentos para o condicionamento fisiológico deve considerar o grau de umidade das sementes após a hidratação, não sendo recomendada a embebição durante período pré-determinado; as sementes de cebola devem atingir grau de umidade de 44% a 49% após a hidratação; c) o processo de secagem rápida, em estufa com circulação de ar, a 35ºC-40ºC, é mais conveniente para a secagem de sementes de cebola condicionadas, tornando-as tolerantes à dessecação e d) o desempenho das sementes durante o armazenamento após o condicionamento fisiológico é dependente do genótipo utilizado.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.02.2004
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500029563t635.25 C337m e.2 82772
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CASEIRO, Roseli Fátima; MARCOS FILHO, Julio. Métodos para condicionamento fisiológico de sementes de cebola e influência da secagem e armazenamento. 2004.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-18052004-160932/ >.
    • APA

      Caseiro, R. F., & Marcos Filho, J. (2004). Métodos para condicionamento fisiológico de sementes de cebola e influência da secagem e armazenamento. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-18052004-160932/
    • NLM

      Caseiro RF, Marcos Filho J. Métodos para condicionamento fisiológico de sementes de cebola e influência da secagem e armazenamento [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-18052004-160932/
    • Vancouver

      Caseiro RF, Marcos Filho J. Métodos para condicionamento fisiológico de sementes de cebola e influência da secagem e armazenamento [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-18052004-160932/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: