Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação "in vitro", da remoção da camada residual (smear layer) dos canais radiculares após instrumentação com sistema rotatório e aplicação da solução de EDTA e do laser ER:YAG (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CAPELLI, ALEXANDRE - FORP
  • USP Schools: FORP
  • Sigla do Departamento: 804
  • Subjects: CANAL RADICULAR (INSTRUMENTAÇÃO;AVALIAÇÃO;TÉCNICAS IN VITRO); ENDODONTIA
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho teve como objetivo avaliar, por meio da microscopia eletrônica de varredura, a remoção da camada residual (smear layer) dos canais radiculares após aplicação do agente quelante EDTA a 17% e do laser Er:YAG. Trinta raízes mesiais de molares inferiores humanos foram selecionadas e divididas aleatoriamente em três grupos distintos de dez dentes. O preparo dos canais radiculares foi realizado a 1mm aquém do ápice anatômico por meio da técnica rotatória Free Tip (Pécora et al, 2002) com instrumentos de níquel-titânio, variando-se apenas o tratamento final das paredes do canal radicular. No Grupo 1, utilizou-se a solução de hipoclorito de sódio a 2,5% durante a instrumentação. No Grupo 2, durante o preparo dos canais radiculares, realizou-se irrigação com solução de hipoclorito de sódio a 2,5%, recebendo posterior irradiação com "laser" Er:YAG (KaVo Key Laser II) com os seguintes parâmetros: 42J, 10Hz e 140mJ input (51mJ output), totalizando em média 300 pulsos. A cinemática utilizada na irradiação da fibra óptica 30/28 (285 µm de diâmetro) foi o movimento helicoidal, de apical para cervical, durante 10 segundos, sendo repetida quatro vezes. No Grupo 3, utilizou-se a irrigação alternada da solução de hipoclorito de sódio a 2,5% com solução de EDTA a 17%. Fotomicrografias, obtidas dos terços médio e apical, foram submetidas à avaliação por três observadores previamente calibrados, que atribuíram escores às imagens. A utilização da solução de hipoclorito de sódio a2,5% alternada com solução de EDTA a 17% promoveu canais radiculares livres da camada residual (smear layer), enquanto a solução de hipoclorito de sódio a 2,5% e o "laser" Er: YAG não foram capazes de promover a limpeza das paredes dos canais radiculares (p<0,01). Não houve diferença estatística significante entre o terço médio e apical dos canais radiculares avaliadas (p>0,05)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.02.2004

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FORP11700006271Capelli, Alexandre
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAPELLI, Alexandre; PÉCORA, Jesus Djalma. Avaliação "in vitro", da remoção da camada residual (smear layer) dos canais radiculares após instrumentação com sistema rotatório e aplicação da solução de EDTA e do laser ER:YAG. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2004.
    • APA

      Capelli, A., & Pécora, J. D. (2004). Avaliação "in vitro", da remoção da camada residual (smear layer) dos canais radiculares após instrumentação com sistema rotatório e aplicação da solução de EDTA e do laser ER:YAG. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Capelli A, Pécora JD. Avaliação "in vitro", da remoção da camada residual (smear layer) dos canais radiculares após instrumentação com sistema rotatório e aplicação da solução de EDTA e do laser ER:YAG. 2004 ;
    • Vancouver

      Capelli A, Pécora JD. Avaliação "in vitro", da remoção da camada residual (smear layer) dos canais radiculares após instrumentação com sistema rotatório e aplicação da solução de EDTA e do laser ER:YAG. 2004 ;