Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Influência da carga alcalina no processo de polpação Lo-Solids® para madeiras de eucalipto (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ALMEIDA, FABIO SERGIO DE - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Subjects: CELULOSE; DENSIDADE DA MADEIRA; MADEIRA; EUCALIPTO; POLPA DE MADEIRA; POLPAÇÃO; QUÍMICA DA MADEIRA
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho teve por objetivo estudar a influência da carga alcalina no processo de polpação kraft modificado Lo-SolidsÒ para madeiras de eucalipto, considerando parâmetros como rendimento, teor de rejeitos, geração de sólidos e características da polpa tais como número kappa, viscosidade, composição polissacarídica e morfologia de fibras. Híbridos de E. grandis x E. urophylla com 7 anos e densidade básica de 500 e 560kg/m 3 foram avaliados e os cozimentos Lo-Solidsâ foram realizadas aplicando-se álcali ativo (como Na2O) de 13%, 15%, 17%, 19%, 21%, 23%, 25%, 27% e sulfidez de 30%. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente casualizado. Os resultados obtidos indicam que variando a carga alcalina no processo de polpação é possível obter polpa não branqueada apresentando valores de kappa de 8 a 30, rendimento depurado de 46 a 53%, viscosidade de 10 a 80 cP, solubilidade em NaOH 5% (S5) de 7 a 13%, teor de pentosanas de 11 a 16% e ácidos hexenurônicos de 10 a 65 µ mol/g. O aumento da carga alcalina nos cozimentos proporcionou maior geração de finos e, consequentemente, menor comprimento médio ponderado de fibras e espessura de parede. Embora os materiais estudados apresentassem diferentes densidade básica, os resultados de polpação foram semelhantes indicando que ambas matérias-primas podem ser empregadas na obtenção de polpa celulósica utilizando o processo de cozimento Lo-Solids®, o qual não se mostrou sensível a densidade básica, o quepossivelmente está associado a boa impregnação dos cavacos correspondente à etapa de impregnação. O híbrido de maior densidade produziu polpa com fibras de maior espessura de parede, maior coarseness e menor número de fibras por grama que o híbrido de menor densidade básica. As análises do licor negro mostraram que o de pH, o álcali efetivo residual e o teor de sólidos dissolvidos apresentam ) maiores valores para dosagens de álcali também superiores, porém observa-se um perfil uniforme para essas variáveis, evidenciando a homogeneidade do processo de polpação Lo-SolidsÒ
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.09.2003
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500028782t674.142 A447i e.2 83492
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALMEIDA, Fábio Sergio de; SILVA JUNIOR, Francides Gomes da. Influência da carga alcalina no processo de polpação Lo-Solids® para madeiras de eucalipto. 2003.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2003. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-06112003-135906/ >.
    • APA

      Almeida, F. S. de, & Silva Junior, F. G. da. (2003). Influência da carga alcalina no processo de polpação Lo-Solids® para madeiras de eucalipto. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-06112003-135906/
    • NLM

      Almeida FS de, Silva Junior FG da. Influência da carga alcalina no processo de polpação Lo-Solids® para madeiras de eucalipto [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-06112003-135906/
    • Vancouver

      Almeida FS de, Silva Junior FG da. Influência da carga alcalina no processo de polpação Lo-Solids® para madeiras de eucalipto [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-06112003-135906/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: