Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Encéfalos de espécies de roedores Trinomys de diferentes habitats e seu correlato ecoetológico (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: RIBEIRO, MARTIM DE FRANCA SILVEIRA - IP
  • USP Schools: IP
  • Subjects: CÉREBRO; NEUROBIOLOGIA; FILOGENIA; ROEDORES
  • Language: Português
  • Abstract: Dentro de padrões gerais, o encéfalo de cada espécie animal reflete a demanda de processamento de informações requerida pelo hábitat e modo de vida. No presente trabalho foram estudados os encéfalos de Trinomys albispinus minor, Trinomys yonenagae e Trinomys iheringi. Esses ratos-de-espinho representam modelos interessantes para abordagens ecoetológicas e fílogenéticas, pois pertencem ao mesmo gênero, mas diferem quanto ao habitat, a morfologia, ao padrão locomotor e a socialidade. Dados de peso corporal e encefálico para 328 espécies de roedores das Subordens Sciurognathi e Hystricognathi foram compilados da literatura para calcular o tamanho relativo do encéfalo (RBS) e posterior comparação taxonômica. Foram efetuadas medidas craniométricas e encefálicas em T. yonenagae e T. a. minor. Adicionalmente foram feitos moldes endocranianos para T. yonenagae, T. a. minor e T. iheringi. Os Hystricognathi apresentam maior tamanho relativo do encéfalo que os Sciurognathi. Os roedores equimídeos da Subamília Eumysopinae apresentam encéfalos de tamanhos equivalentes aos esperados pelo peso corporal. O gênero Trinomys possui um RBS superior em relação a Proechimys. A espécie T. yonenagae possui um RBS maior em relação a T a. minor e T. iheringi, ambas terrestres. Trinomys yonenagae apresenta hemisférios cerebrais mais largos na região temporal, bulas timpânicas infladas e globos oculares de maior diâmetro. Por sua vez, T a. minor apresenta bulbos e tubérculosolfativos maiores que os de T. yonenagae. Os encéfalos de T. iheringi e T. a. minor são arredondados e semelhantes morfologicamente enquanto que o de T. yonenagae é romboidal, padrão observado para os Hystricognathi. A análise dos encéfalos em Trinomys reflete as diferentes estratégias ecoetológicas utilizadas para enfrentar as particularidades bióticas e abióticas impostas por seus diversos ambientes bem como fornece subsídios à compreensão da filogema do grupo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.02.2004

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IP12300013861T QP376 R484e e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RIBEIRO, Martim de França Silveira; OLIVEIRA, Elisabeth Spinelli de. Encéfalos de espécies de roedores Trinomys de diferentes habitats e seu correlato ecoetológico. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.
    • APA

      Ribeiro, M. de F. S., & Oliveira, E. S. de. (2004). Encéfalos de espécies de roedores Trinomys de diferentes habitats e seu correlato ecoetológico. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ribeiro M de FS, Oliveira ES de. Encéfalos de espécies de roedores Trinomys de diferentes habitats e seu correlato ecoetológico. 2004 ;
    • Vancouver

      Ribeiro M de FS, Oliveira ES de. Encéfalos de espécies de roedores Trinomys de diferentes habitats e seu correlato ecoetológico. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: