Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Metrics


Metrics:

Notas sobre a bionomia de Tetragonisca weyrauchi Schwarz, 1943 (Apidae, Meliponini) (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NOGUEIRA NETO, PAULO - IB
  • USP Schools: IB
  • DOI: 10.1590/s0044-59672003000400011
  • Subjects: ABELHAS; APIDAE
  • Language: Português
  • Abstract: No Brasil, a abelha sem ferrão, Tetragonisca weyrauchi tem sua distribuição restrita à região Amazônica. Constrói ninhos apereos freqüentemente em forquilhas inclinadas de árvores. Os ninhos, cilindróides e verticais, medem cerca de 60cm de circunferência na parte mais larga e 35 cm de altura. A cobertura é de uma película fina e maleável com diferentes consistências. A maioria dos ninhos apresenta, na parte superior, um prolongamento com várias protuberâncias e aberturas, ou só aberturas, com diâmetros milimétricos variáveis ao longo do dia, denominado aqui de respiráculo. A morfologia do ninho, com a porta na parte inferior e o respiráculo na parte superior, parece estar bem adaptada ao ambiente tropical em que se encontra. As média das temperaturas internas de um ninho habitado e outro vazio acompanharam as flutuações ambientais com alto valor de correlação (r=0,98). Os resultados sugerem que a estrutura física do ninho seria responsável por uma pequena parcela na retenção da energia calorífera. Se existe termorregulação, ela deve ser mais evidente acima dos '33 GRAUS' C ambientais, temperatura onde ocorreu tendência de estabilidade. A grande quantidade de lamelas de cerume ao redor dos favos de cria horizontais, o tamanho dos potes ovóides de alimento ao redor de 1-2 cm de altura, a porcentagem de água no mel ao redor de 27,6%, o aspecto do tubo de entrada com pequenos orifícios, os valores de temperatura em que ocorre a abertura desse tubopela manhã, entre '21-23 GRAUS' C, e as coletas de néctar, predominantemente em Myrtacea, fazem com que seja atribuída grande semelhança física e comportamental entre T. weyrauchi e T. angustula. Os ninhos se adaptam bem em colônias tipo Paulo Nogueira-Neto. São abelhas agressivas quando manuseadas. Estima-se que seus ninhos tenham população de 2000-3000 indivíduos
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso online ao documento

    DOI or search this record in
    Informações sobre o DOI: 10.1590/s0044-59672003000400011 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc
    Informações sobre o Citescore
  • Título: Acta Amazonica

    ISSN: 0044-5967

    Citescore - 2017: 0.99

    SJR - 2017: 0.36

    SNIP - 2017: 0.831


  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CORTOPASSI-LAURINO, Marilda; NOGUEIRA-NETO, Paulo. Notas sobre a bionomia de Tetragonisca weyrauchi Schwarz, 1943 (Apidae, Meliponini). Acta Amazonica, Manaus, v. 33, n. 4, p. 643-650, 2003. DOI: 10.1590/s0044-59672003000400011.
    • APA

      Cortopassi-Laurino, M., & Nogueira-Neto, P. (2003). Notas sobre a bionomia de Tetragonisca weyrauchi Schwarz, 1943 (Apidae, Meliponini). Acta Amazonica, 33( 4), 643-650. doi:10.1590/s0044-59672003000400011
    • NLM

      Cortopassi-Laurino M, Nogueira-Neto P. Notas sobre a bionomia de Tetragonisca weyrauchi Schwarz, 1943 (Apidae, Meliponini). Acta Amazonica. 2003 ; 33( 4): 643-650.
    • Vancouver

      Cortopassi-Laurino M, Nogueira-Neto P. Notas sobre a bionomia de Tetragonisca weyrauchi Schwarz, 1943 (Apidae, Meliponini). Acta Amazonica. 2003 ; 33( 4): 643-650.

    Referências citadas na obra
    Autor: Cortopassi- Laurino M
    Primeira página: 278
    Ano: 2000
    Autor: Darchen R.
    Título: La thermoregulation et l´ecologie de quelques espèces d´abeille sociales d´Afrique (Apidae, Trigonini et Apismellifica var. adansonii)
    Título do periódico: Apidologie,
    Volume: 4
    Primeira página: 341
    Ano: 1973
    DOI: 10.1051/apido:19730405
    Autor: Engels W
    Título: Thermoregulation in the nest of the neotropical stingless bee Scaptotrigona postica and a hypothesis on the evolution of temperature homeostasis in highly eusocial bees
    Título do periódico: Studies on Neotropical Fauna and Environment,
    Volume: 30
    Fascículo: 4
    Primeira página: 193
    Ano: 1995
    DOI: 10.1080/01650529509360958
    Autor: Hueck K
    Primeira página: 466p
    Ano: 1972
    Autor: Imperatriz-Fonseca V.L.
    Título: Hábitos de coleta de Tetragonisca angustula angustula Latreille (Hymenoptera, Apidae, Meliponinae)
    Título do periódico: Bolm. Zool. Univ. S. Paulo,
    Volume: 8
    Primeira página: 115
    Ano: 1984
    Autor: Iwama S.
    Título: A influência dos fatores climáticos na atividade externa de Tetragonisca angustula (Apidae, Meliponinae)
    Título do periódico: Bolm. Zool., Univ. S. Paulo
    Volume: 2
    Primeira página: 189
    Ano: 1977
    Autor: Lee K. E
    Ano: 1971
    Autor: Michener C.D
    Primeira página: 404p
    Ano: 1974
    Autor: Nogueira-Neto P.
    Título: Notas Bionômicas sobre Meliponíneos I Sobre a Ventilação dos Ninhos e as Construções com ela Relacionadas
    Título do periódico: Rev. Bras. Biol.,
    Volume: 8
    Fascículo: 4
    Primeira página: 465
    Ano: 1948
    Autor: Nogueira-Neto P
    Primeira página: 365p
    Ano: 1970
    Autor: Pirani J. R
    Primeira página: 192p
    Ano: 1993
    Autor: Roubik D. W.
    Título: Nest and Colony Characteristics of Stingless Bees From Panama (Hymenoptera:Apidae)
    Título do periódico: J. Kansas Ent. Soc.,
    Volume: 56
    Fascículo: 3
    Primeira página: 327
    Ano: 1983
    Autor: Sakagami S. F
    Primeira página: 360
    Ano: 1982
    Autor: Schwarz H. F.
    Título: Stingless bees (Meliponinae) of the Western Hemisphere
    Título do periódico: Bull. Amer. Mus. Hist.,
    Volume: 90
    Primeira página: 1
    Ano: 1948
    Autor: Zucchi R
    Primeira página: 301
    Ano: 1972