Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estratégias de controle não-convencional para uma plataforma de Stewart acionada hidraulicamente (2003)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CAPORALI, ALEXANDRE SIMIAO - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Subjects: SISTEMAS HIDRÁULICOS; REDES NEURAIS; SISTEMAS NÃO LINEARES; CONTROLE AUTOMÁTICO
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho apresenta técnicas de projeto de controle neural e controle difuso para uma plataforma de Stewart acionada hidraulicamente. O modelo dinâmico não linear da plataforma de Stewart com seis graus de liberdade foi desenvolvido no ambiente de sistemas multicorpos ADAMS. Este pacote comercial foi usado para economizar tempo e esforço na modelagem de um sistema mecânico complexo e na programação para obter a resposta no tempo do sistema. A plataforma de Stewart é um manipulador paralelo com alta relação força-peso e acuracidade de posicionamento comparada a manipuladores seriais convencionais. As desvantagens dos mecanismos seriais é que cada articulação suporta o peso da articulação seguinte e mais o objeto a ser manipulado. A plataforma de Stewart tem recebido recentemente considerável interesse de pesquisadores dado o sucesso de suas aplicações e potencial vantagens sobre os manipuladores convencionais. Uma aplicação bastante popular da plataforma de Stewart é o simulador de vôo onde a plataforma executa movimento com acelerações similares àquelas de uma aeronave. Embora muitas pesquisas na literatura tenham dedicado amplo esforço para cinemática, dinâmica e projeto mecânico de manipuladores baseados em plataforma de Stewart, pouca atenção tem sido dada ao problema de controle deste tipo de manipulador. Um esquema de controle difuso e de redes neurais foi adotado para lidar com as não linearidades, distúrbios e incertezas dos parâmetros,e precisão necessária no posicionamento e orientação da plataforma. Redes neurais artificiais e lógica difusa fornecem um paradigma computacional característico e tem demonstrado resultado para uma faixa de problemas práticos onde a técnica computacional convencional não tem sucesso. Em particular, a habilidade do controle neural e do controle difuso para representar mapeamento não linear encoraja o estudo de controle neural e difuso para representar problemas de controle não linear. Resultados de simulação são apresentados, mostrando que as técnicas propostas podem ser usadas na plataforma de Stewart
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.12.2003
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100047317TESE 1316
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAPORALI, Alexandre Simião; BELO, Eduardo Morgado. Estratégias de controle não-convencional para uma plataforma de Stewart acionada hidraulicamente. 2003.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2003. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18135/tde-16022016-121810/pt-br.php >.
    • APA

      Caporali, A. S., & Belo, E. M. (2003). Estratégias de controle não-convencional para uma plataforma de Stewart acionada hidraulicamente. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18135/tde-16022016-121810/pt-br.php
    • NLM

      Caporali AS, Belo EM. Estratégias de controle não-convencional para uma plataforma de Stewart acionada hidraulicamente [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18135/tde-16022016-121810/pt-br.php
    • Vancouver

      Caporali AS, Belo EM. Estratégias de controle não-convencional para uma plataforma de Stewart acionada hidraulicamente [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18135/tde-16022016-121810/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: