Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo das relações entre o estado nutricional, a percepção da imagem corporal e o comportamento alimentar em adultos (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: KAKESHITA, IDALINA SHIRAISHI - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: OBESIDADE; ESTADO NUTRICIONAL; COMPORTAMENTO ALIMENTAR; PSICOBIOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: Com a transição nutricional, da desnutrição para a obesidade, característica dos países em desenvolvimento, como é o caso do Brasil, o enfoque das pesquisas sobre o estado nutricional vem se voltando para a questão da obesidade. São escassos, particularmente no Brasil, estudos consistentes na área da nutrição voltados à relação do estado nutricional com o comportamento humano, especificamente no que concerne à percepção subjetiva das pessoas em relação ao seu próprio corpo. A percepção da imagem corporal tem sido sistematicamente associada a transtornos do comportamento alimentar, como a anorexia nervosa, a bulimia e a obesidade. Uma das questões seria qual a relação da percepção da imagem corporal nas atitudes e comportamentos alimentares das pessoas, na comunidade em geral, sem diagnóstico específico de transtornos alimentares. Haveria alguma relação com o estado nutricional, ou com alguma característica específica do comportamento alimentar? Este trabalho tem por objetivo responder estas questões. Para avaliação do estado nutricional foi considerada a classificação do Índice de Massa Corporal (IMC) proposta pela Organização Mundial de Saúde. A escala de figuras de silhuetas foi especialmente construída, assim como a escala tipo Likert. Os métodos psicométricos de aplicação foram criteriosamente selecionados, como validadas as escalas de comportamento alimentar e percepção da imagem corporal. A análise dos resultados sobre a percepção da imagem corporaldemonstrou que homens tendem a subestimam seu tamanho corporal independentemente da classe de IMC a que pertençam, enquanto mulheres de IMC normal, ou portadoras de sobrepeso, tendem a superestimar seu tamanho corporal. As mulheres obesas tendem a subestimá-Io, como os homens. Os resultados obtidos sugerem relativa insatisfação tanto de homens como mulheres com o tamanho corporal
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.04.2004
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCLRP20800001680Kakeshita, Idalina Shiraishi
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KAKESHITA, Idalina Shiraishi; ALMEIDA, Sebastião de Sousa. Estudo das relações entre o estado nutricional, a percepção da imagem corporal e o comportamento alimentar em adultos. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59134/tde-05032007-111354/ >.
    • APA

      Kakeshita, I. S., & Almeida, S. de S. (2004). Estudo das relações entre o estado nutricional, a percepção da imagem corporal e o comportamento alimentar em adultos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59134/tde-05032007-111354/
    • NLM

      Kakeshita IS, Almeida S de S. Estudo das relações entre o estado nutricional, a percepção da imagem corporal e o comportamento alimentar em adultos [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59134/tde-05032007-111354/
    • Vancouver

      Kakeshita IS, Almeida S de S. Estudo das relações entre o estado nutricional, a percepção da imagem corporal e o comportamento alimentar em adultos [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59134/tde-05032007-111354/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: