Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Desvelando o ser-familiar-da-criança com câncer: uma análise existencial do conceito de enfrentamento (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LOPES, DANIEL DE PAULA LIMA E OLIVEIRA - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: TRATAMENTO PSICOLÓGICO; PSICOLOGIA PREVENTIVA; PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO
  • Language: Português
  • Abstract: O câncer infantil é considerado uma doença rara, para a qual a ciência obteve, nas últimas décadas, importantes conquistas em relação a possibilidades de tratamento e taxas de sobrevivência em crianças acometidas. Apesar desses avanços, esta patologia é ainda potencialmente fatal. O diagnóstico de câncer na infância é vivenciado como um período de choque e desorganização pela criança e sua família. O embate com a realidade do tratamento oncológico, complexo e Prolongado, gera alterações na organização das rotinas familiares, constituindo ainda fator de estresse com repercussões importantes para a saúde psíquica e física das pessoas envolvidas com a situação. As respostas de enfrentamento familiar ao câncer infantil vêm compondo objeto moderno de estudo em Psiconcologia, em contraponto a pesquisas mais antigas que tendiam a enfocar o dimensionamento de distúrbios afetivos e respostas patológicas frente à doença. Esta investigação tem como objetivo descrever e compreender, a partir dos discursos de familiares de crianças com câncer, alguns dos modos pelos quais pode se desvelar, existencialmente, o processo de enfrentamento do câncer infantil. O acesso às falas foi obtido através de registro em áudio dos grupos interativos que compõem o segmento de intervenção para familiares da Metodologia CORELIM. Esta metodologia se caracteriza como uma abordagem interdisciplinar de apoio a crianças portadoras de câncer e seus familiares, que é conduzida segundocritérios que envolvem a idade da criança e estágio atual do seu tratamento oncológico. O estudo foi desenvolvido na Fundação Hope-Casa de Apoio ao Menor Carente com Câncer, em São Paulo, SP, Brasil, com a presença de cinco familiares de crianças em fase de tratamento e/ou manutenção. Registraram-se seis grupos de atendimentos exclusivos aos familiares, e três de composição mista, dos quais participaram também as crianças envolvidas. A análise dos discursos foi ... desenvolvida a partir do método fenomenológico, tendo sido composta num primeiro momento por: 1) Realização de diversas leituras das transcrições de cada sessão grupal, na busca de uma configuração do todo dos encontros; 2) Leitura da cada sessão, quantas vezes necessárias, com objetivo de retomada da interrogação inicial do estudo e identificação das unidades de significado; 3) Uma vez assinaladas as unidades de significados, buscaram-se as convergências e divergências identificadas dentro de um mesmo encontro e, enfim, dentre todos os que foram realizados ao longo da intervenção; 4) A partir destas convergências e divergências, temas/categorias foram constituídas, as quais ilustram modos pelos quais se revelou existencialmente para esses familiares o enfrentamento do câncer infantil. O segundo momento da análise consistiu na leitura desses discursos-à luz da Fenomenologia Ontológico-Hermenêutica de Martin Heidegger, e objetivou a contemplação, necessariamente parcial, do primadoontológico desta investigação. Discutem-se, enfim, as contribuições que a formulação de uma perspectiva existencial de enfrentamento pode acarretar para o .delineamento de intervenções psicossociais em Psiconcologia Pediátrica. Esta reflexão aponta para a importância de que as ações direcionadas ao cuidado da díade criança com câncer/família não permaneçam restritas à noção de eficácia do enfrentamento como regulador dos afetos e comportamentos, mas contemplem também a noção de saúde existencial
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.07.2004

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCLRP20800001549Lopes, Daniel de Paula Lima O.
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LOPES, Daniel de Paula Lima e Oliveira; VALLE, Elizabeth Ranier Martins do. Desvelando o ser-familiar-da-criança com câncer: uma análise existencial do conceito de enfrentamento. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2004.
    • APA

      Lopes, D. de P. L. e O., & Valle, E. R. M. do. (2004). Desvelando o ser-familiar-da-criança com câncer: uma análise existencial do conceito de enfrentamento. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Lopes D de PL e O, Valle ERM do. Desvelando o ser-familiar-da-criança com câncer: uma análise existencial do conceito de enfrentamento. 2004 ;
    • Vancouver

      Lopes D de PL e O, Valle ERM do. Desvelando o ser-familiar-da-criança com câncer: uma análise existencial do conceito de enfrentamento. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: