Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Análise da expressão gênica induzida por Diatraea saccharalis em cana-de-açúcar via macroarranjos de colônias bacterianas (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BARSALOBRES, CARLA FERNANDA - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LGN
  • Subjects: BROCAS (INSETOS NOCIVOS); CANA-DE-AÇÚCAR; EXPRESSÃO GÊNICA; RESISTÊNCIA GENÉTICA VEGETAL
  • Language: Português
  • Abstract: O seqüenciamento em larga-escala e a aplicação da tecnologia de seqüências expressas (ESTs) permitiram a identificação de milhares de seqüências genômicas de vários organismos. Através de projetos como o de obtenção de ESTs de cana-de-açúcar (SUCEST – Sugarcane EST Project), a tecnologia de macro e microarranjos de DNA pôde ser aplicada para o monitoramento da expressão gênica. O primeiro passo deste trabalho foi otimizar a técnica de macroarranjos utilizando-se colônias bacterianas. Os arranjos foram construídos com o auxílio do robô Q-Bot. Células bacterianas contendo clones de cDNA de cana-de-açúcar foram arranjadas em duplicata em membranas de náilon e crescidas por 6 e 12 horas. Como resultado, concluiu-se que é possível estudar a expressão gênica em larga-escala usando macroarranjos de colônias bacterianas crescidas por 6 horas. Na segunda parte, o objetivo foi identificar genes de defesa em duas variedades de cana-de-açúcar (Saccharum sp.), em resposta ao herbívoro Diatraea saccharalis (Lepidoptera: Crambidae). A cana-de-açúcar é de grande importância para a agricultura brasileira e para a economia geral de muitos países em desenvolvimento. Estas plantas são atacadas por D. saccharalis, a mais importante praga desta cultura, causando significativas perdas econômicas. Como é sabido, as plantas desenvolveram complexas estratégias para se protegerem do ataque de insetos-praga. As variedades SP80-3280 (susceptível) e SP81-3250 (tolerante) de cana-de-açúcarforam expostas à D. saccharalis. Plantas submetidas à lagarta e plantas controle foram coletadas em 0.5, 6, 12 e 24 horas de experimento. As análises permitiram a identificação de genes diferencialmente expressos em resposta à lagarta nas duas variedades. Foram analisados o tempo, dinâmica e regulação da expressão de 3.840 clones do SUCEST, os quais foram crescidos na membrana de náilon por 6 horas. Estes ESTs ) foram agrupados em dezesseis classes: metabolismo de aminoácidos, crescimento/desenvolvimento, metabolismo de proteínas, metabolismo de RNA, metabolismo secundário, resposta à diferentes condições de estresse, transporte, bioenergética, transdução de sinal, dinâmica celular, metabolismo de DNA, metabolismo de lipídios, elementos móveis, metabolismo de nitrogênio, sulfato e fosfato, metabolismo de nucleotídeos e função não determinada (ND). Estes resultados ajudam elucidar as estratégias de defesa desenvolvidas pela cana-de-açúcar para evitar os danos causados por esta praga. Neste estudo, os dados do macroarray revelaram 580 ESTs com expressão aumentada, oriundos das duas variedades. Estes resultados são importantes não somente porque este é o primeiro estudo em larga-escala da expressão gênica de uma monocotiledônea em resposta ao ataque de herbívoros, mas também porque permite a comparação dos perfis de expressão entre genótipos susceptível e tolerante de cana-de-açúcar. Este estudo abre possibilidades para a engenharia genética deplantas de cana-de-açúcar inseto-resistentes e também para o uso destes genes como marcadores moleculares em programas de melhoramento assistido
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.09.2004
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500030000t633.61 B282a e.2 83962
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BARSALOBRES, Carla Fernanda; SILVA FILHO, Marcio de Castro. Análise da expressão gênica induzida por Diatraea saccharalis em cana-de-açúcar via macroarranjos de colônias bacterianas. 2004.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-22112004-145719/ >.
    • APA

      Barsalobres, C. F., & Silva Filho, M. de C. (2004). Análise da expressão gênica induzida por Diatraea saccharalis em cana-de-açúcar via macroarranjos de colônias bacterianas. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-22112004-145719/
    • NLM

      Barsalobres CF, Silva Filho M de C. Análise da expressão gênica induzida por Diatraea saccharalis em cana-de-açúcar via macroarranjos de colônias bacterianas [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-22112004-145719/
    • Vancouver

      Barsalobres CF, Silva Filho M de C. Análise da expressão gênica induzida por Diatraea saccharalis em cana-de-açúcar via macroarranjos de colônias bacterianas [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11137/tde-22112004-145719/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: