Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Microbiota bacteriana aeróbia na cavidade oral de cães errantes: avaliação dos possíveis riscos à saúde pública causados pela mordedura destes animais em seres humanos, no município de Guarulhos- S.Paulo- Brasil (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LIPPOLIS, MIRIAN - FMVZ
  • USP Schools: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VPS
  • Subjects: MORDIDA DE ANIMAL; CÃES; FERIMENTOS E LESÕES; BACTÉRIAS AERÓBICAS; BOCA
  • Language: Português
  • Abstract: As mordeduras de cães em seres humanos são bastante freqüentes, principalmente em crianças, e também naqueles adultos que desempenham atividades em residências, causando perdas de diferentes ordens: emocional, física , social e econômica. Os processos infecciosos decorrentes podem ocasionar perda de dias de trabalho e/ ou de estudo, gastos financeiros elevados com medicamentos, honorários médicos, internações, além de seqüelas permanentes. O presente trabalho teve como objetivo avaliar os fatores de risco associados à mordedura de cães em serem humanos, através de levantamento microbiológico- no qual foi realizado raspado da superfície supragengival de 100 cães de rua, capturados (e não resgatados) em locais com alta concentração de cães não domiciliados ou semi domiciliados, durante o período de Julho de 2002 a Setembro de 2003, bem como por levantamento epidemiológico retrospectivo dos casos de mordedura por cães. Foram isoladas 205 cepas bacterianas , com uma mediana de cepas isoladas por animal de 2 (1-6). As Enterobacteriaceae foram verificadas em 86% dos animais. E.coli (54%) e o Staphylococcus spp. (39%) foram os microrganismos mais freqüentemente isolados. O maior risco de ocorrência de acidentes por mordedura de cães foi verificado nos seguintes grupos: população pediátrica (0-14 anos), sendo a faixa etária de 5-9 anos a mais atingida; trabalhadores do segmento de prestação de serviços a domicílio; estudantes; donas de casa; indivíduos do sexo masculino.A maior parte dos acidentes ocorreu em domicílios com cães e por animais conhecidos das vítimas. Houve uma correlação estatisticamente significante entre o número de casos e o tamanho e a densidade da população humana de cada bairro
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.09.2004

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMVZ11300026804T.1385 FMVZ e.2
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIPPOLIS, Mirian; BENITES, Nilson Roberti. Microbiota bacteriana aeróbia na cavidade oral de cães errantes: avaliação dos possíveis riscos à saúde pública causados pela mordedura destes animais em seres humanos, no município de Guarulhos- S.Paulo- Brasil. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.
    • APA

      Lippolis, M., & Benites, N. R. (2004). Microbiota bacteriana aeróbia na cavidade oral de cães errantes: avaliação dos possíveis riscos à saúde pública causados pela mordedura destes animais em seres humanos, no município de Guarulhos- S.Paulo- Brasil. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Lippolis M, Benites NR. Microbiota bacteriana aeróbia na cavidade oral de cães errantes: avaliação dos possíveis riscos à saúde pública causados pela mordedura destes animais em seres humanos, no município de Guarulhos- S.Paulo- Brasil. 2004 ;
    • Vancouver

      Lippolis M, Benites NR. Microbiota bacteriana aeróbia na cavidade oral de cães errantes: avaliação dos possíveis riscos à saúde pública causados pela mordedura destes animais em seres humanos, no município de Guarulhos- S.Paulo- Brasil. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: