Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeito local do complexo de vitamina B na formação do tecido de granulação das úlceras cutâneas de rato wistar (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: KLAY, CARLA PATRÍCIA MARTINELLI - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPA
  • Subjects: ANATOMIA PATOLÓGICA; PATOLOGIA CLÍNICA
  • Language: Português
  • Abstract: Com o objetivo de analisar a ação local do complexo de vitamina B na formação do tecido de granulação, foram realizadas, em ambiente estéril, úlceras de 6mm de diâmetro e 2mm de profundidade, na pele do dorso de ratos Wistar, após prévia tricotomia e anestesia. Os animais foram divididos em dois grupos: 1- grupo controle (úlceras sem tratamento), 2- grupo tratado (aplicação local e única de complexo de vitamina B (0,05ml) -5mg de B 1 , 3mg de B5, 2mg de B6, 20mg de nicotinamida e 0,25mg de biotina). Nos períodos de 24, 72 e 168h, os animais foram sacrificados e os tecidos contendo as úlceras foram removidos, fixados em paraformaldeído a 4% e processados para inclusão em parafina. As lâminas, contendo os cortes de 5 'mü'm de espessura, foram coradas com Hematoxilina e eosina (H/E), Tricrômico de Masson e analisadas, quanto à expressão do MCP-l, do TGF-'beta IND. 1' e da actina de músculo liso-'alfa', pela técnica de imunoistoquímica. Os resultados morfológicos mostraram que, no período de 24h., as úlceras tratadas com o complexo de vitamina B apresentavam edema mais discreto, menor população neutrofílica (p'< OU ='0,01) e maior população de células mononucleadas -fagócitos mononucleares (p'< OU ='0,0l). No período de 72h, o tecido de granulação foi mais exuberante, com maior população fibroblástica e fagócitos mononucleares (p'< OU ='0,05). No período de 7 dias, o tecido de granulação, além de apresentar maior população fibroblástica e vascular (p'< OU='0,01), em relação ao grupo controle, mostrou uma matriz extra-celular mais exuberante, evidenciada pelas fibras colágenas, principalmente, nos terços médio e profundo. A expressão da quimiocina MCP-l e do fator de crescimento -TGF-'beta IND. 1', foi evidenciada, principalmente, no período de 24h., cuja expressão foi maior no grupo tratado (P'< OU ='0,05); no 7'graus' dia, o TGF-'beta IND. 1' esteve maior (P'< OU ='0,05) nas úlceras tratadas ... com complexo de vitamina B. A população de células positivas para actina de músculo-'alfa' (miofibroblastos) esteve maior (p'< OU ='0,01) no 7'graus' dia, o que justificou o fechamento mais rápido das úlceras tratadas. Com base nestes dados, podemos concluir que o complexo de vitamina B ativou a formação e a maturação do tecido de granulação devido à maior expressão do MCP-l e do TGF-'beta IND. 1'; este último ativou a formação dos miofibroblastos responsáveis pelo fechamento precoce das úlceras tratadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.10.2004

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200028489Kly, Carla Patrcia Matinelli
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KLAY, Carla Patrícia Martinelli; SOARES, Edson Garcia. Efeito local do complexo de vitamina B na formação do tecido de granulação das úlceras cutâneas de rato wistar. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2004.
    • APA

      Klay, C. P. M., & Soares, E. G. (2004). Efeito local do complexo de vitamina B na formação do tecido de granulação das úlceras cutâneas de rato wistar. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Klay CPM, Soares EG. Efeito local do complexo de vitamina B na formação do tecido de granulação das úlceras cutâneas de rato wistar. 2004 ;
    • Vancouver

      Klay CPM, Soares EG. Efeito local do complexo de vitamina B na formação do tecido de granulação das úlceras cutâneas de rato wistar. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: