Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Utilização de agentes antimicrobianos, probióticos, prebióticos e extratos vegetais como promotores do crescimento de leitões recém-desmamados (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: UTIYAMA, CARLOS EDUARDO - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LZT
  • Subjects: CRESCIMENTO ANIMAL; MORFOLOGIA ANIMAL; DESMAMA ANIMAL; SUÍNOS
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo do trabalho foi estudar os efeitos de probióticos, prebióticos e extratos vegetais como alternativas ao uso de agentes antimicrobianos como promotores do crescimento de leitões recém-desmamados, por meio da morfologia de órgãos, frequência de diarréia, microbiologia intestinal, histologia de epitélio intestinal, digestibilidade dos nutrientes e desempenho. Foram realizados dois experimentos em blocos casualizados, nos quais foram testados cinco tratamentos: controle - ração basal; antimicrobiano - basal com 50 ppm de bacitracina de zinco + 50 ppm de olaquindox; probiótico - basal com 1300 ppm de probiótico à base de Bacillus subtilis e Bacillus licheniformis; prebiótico - basal com 3000 ppm de mananoligossacarídeo; extrato vegetal - basal com 500 ppm de extrato vegetal (alho, cravo, canela, pimenta, tomilho, cinamaldeído e eugenol). No Experimento I utilizaram-se 40 leitões desmamados aos 21 dias de idade, distribuídos a 20 gaiolas suspensas com dois leitões (um macho castrado e uma fêmea) em cada gaiola (unidade experimental) e quatro repetições por tratamento. Durante a última semana do período experimental foi realizado o ensaio de digestibilidade dos nutrientes, por meio da metodologia da coleta parcial de fezes, tendo o óxido (continua))crômico (Cr2O3) como marcador. Ao 35º dia, um animal de cada unidade experimental foi abatido para a coleta de dados referentes à morfometria de órgãos, de amostras do epitélio intestinal para análisehistológica e de amostras do conteúdo do jejuno/íleo para análise microbiológica. No Experimento II, foram utilizados 120 leitões desmamados aos 21 dias de idade, alocados em 60 baias com dois animais (um macho castrado e uma fêmea) por baia (unidade experimental), perfazendo 12 repetições por tratamento. As variáveis de consumo diário de ração, ganho diário de peso e conversão alimentar foram coletadas e analisadas nos períodos de 1-14, 15-35 e 1-35 dias de experimentação. Também foi avaliada a frequência de diarréia. Apesar da diferença não ser significativa (P>0,05), em valores numéricos, os agentes antimicrobianos melhoraram o ganho diário de peso nos períodos de 15-35 (+22%) e 1-35 (+21,4%) dias de experimentação. Também melhoraram (P<0,05) a digestibilidade aparente de nutrientes (P<0,05) em relação ao tratamento controle. O prebiótico mananoligossacarídeo foi a melhor alternativa aos antimicrobianos, proporcionando um ganho diário de peso, numericamente (P>0,05), 25,7% superior ao tratamento controle e equivalente ao tratamento antimicrobiano, nos primeiros 14 dias de experimentação. Entretanto, o prebiótico mananoligossacarídeo não melhorou a conversão alimentar (P>0,10). Nos períodos de 15-35 dias e no período total, o desempenho dos animais do tratamento prebiótico foi intermediário entre o tratamento controle e antimicrobiano. O probiótico não melhorou o desempenho (P>0,10) e não proporcionou nenhuma alteração nas outras variáveis estudadas. Os extratosvegetais aumentaram o peso relativo do pâncreas (P<0,05) e melhoraram a digestibilidade aparente da matéria seca da dieta (P<0,05). No entanto, os extratos vegetais não melhoraram (P>0,10) o desempenho dos leitões
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.11.2004
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500030287t636.4 U89u e.2 84181
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      UTIYAMA, Carlos Eduardo; MIYADA, Valdomiro Shigueru. Utilização de agentes antimicrobianos, probióticos, prebióticos e extratos vegetais como promotores do crescimento de leitões recém-desmamados. 2004.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19082005-144747/ >.
    • APA

      Utiyama, C. E., & Miyada, V. S. (2004). Utilização de agentes antimicrobianos, probióticos, prebióticos e extratos vegetais como promotores do crescimento de leitões recém-desmamados. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19082005-144747/
    • NLM

      Utiyama CE, Miyada VS. Utilização de agentes antimicrobianos, probióticos, prebióticos e extratos vegetais como promotores do crescimento de leitões recém-desmamados [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19082005-144747/
    • Vancouver

      Utiyama CE, Miyada VS. Utilização de agentes antimicrobianos, probióticos, prebióticos e extratos vegetais como promotores do crescimento de leitões recém-desmamados [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19082005-144747/