Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeito da suplementação de creatina e do treinamento com pesos sobre o desempenho motor, a composição corporal e indicadores de fadiga (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CYRINO, EDILSON SERPELONI - EEFE
  • USP Schools: EEFE
  • Sigla do Departamento: EFB
  • Subjects: NUTRIÇÃO; SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR; TREINAMENTO DE FORÇA; COMPOSIÇÃO CORPORAL
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo do presente estudo foi analisar os possíveis efeitos da suplementação de creatina e do treinamento com pesos sobre os componentes da composição corporal, o desempenho motor e indicadores de fadiga. Cinqüenta e seis indivíduos saudáveis, do sexo masculino, após serem acompanhados por 19 semanas, foram divididos em quatro grupos, dos quais dois foram submetidos à prática regular de treinamento com pesos por oito semanas (duas programações, quatro sessões semanais, nove exercícios/sessão, quatro séries de 6-12 RM), associada à suplementação de creatina (CRT, n = 14, idade = 22,4 :I:: 2,8 anos) ou placebo (PLT, n = 14, idade = 23,2:1:: 2,3 anos). O restante dos sujeitos compôs o grupo controle que se manteve sem qualquer envolvimento com programas regulares de exercícios físicos, contudo, consumindo creatina (CRC, n = 14, idade = 23,9 :I:: 2,5 anos) ou placebo (pLC, n = 14, idade = 24,1 :I:: 3,0 anos). A suplementação de creatina ou placebo (maltodextrina) foi consumida em quatro doses de 5 gldia durante os cinco primeiros dias (20 gldia). A partir daí, uma única dose de 3 gldia foi ingeri da nos 51 dias subseqüentes. A composição corporal foi detenninada por absortometria radiológica de dupla energia (DEXA), com a água corporal total (ACT) sendo estimada por bioimpedância. O teste de uma repetição máxima (l-RM) foi aplicado como indicador de força muscular em três exercícios (supino em banco horizontal, agachamento e rosca direta de bíceps). (Continua)(Continuação) A resistência muscular foi avaliada por meio do número máximo de repetições executadas até a exaustão voluntária durante quatro séries a 80% de l-RM, nos três exercícios. ANOVA e ANCOVA para medidas repetidas, seguidas pelo teste post hoc de Scheffé, quando P < 0,05, foram utilizadas para o tratamento dos dados. Aumentos significantes foram encontrados na massa livre de gordura (CRT = +2,9 kg; CRC = +2,3 kg e PLT = + 1,3 kg), na força muscular absoluta (CRT = +8%; CRC = +5,2% e PLT = +6,5%) e no volume total (carga X repetições) levantado (CRT = +22,7%). O incremento na água corporal total foi associado significativamente com o aumento da massa livre de gordura somente no grupo CRC (i = 0,78). Os resultados indicam que a suplementação de creatina, associada ao treinamento com pesos, pode melhorar os ganhos de força, resistência e massa muscular. Além disso, a baixa correlação encontrada entre o aumento da massa livre de gordura e de ACT (i = 0,20) no grupo CRT fortalece os indícios de que a suplementação de creatina pode estimular o aumento da síntese de proteína miofibrilar em indivíduos fisicamente ativos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.12.2002

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EEFE10300015345T 796.027 C-14
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CYRINO, Edilson Serpeloni; ZUCAS, Sergio Miguel. Efeito da suplementação de creatina e do treinamento com pesos sobre o desempenho motor, a composição corporal e indicadores de fadiga. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Cyrino, E. S., & Zucas, S. M. (2002). Efeito da suplementação de creatina e do treinamento com pesos sobre o desempenho motor, a composição corporal e indicadores de fadiga. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Cyrino ES, Zucas SM. Efeito da suplementação de creatina e do treinamento com pesos sobre o desempenho motor, a composição corporal e indicadores de fadiga. 2002 ;
    • Vancouver

      Cyrino ES, Zucas SM. Efeito da suplementação de creatina e do treinamento com pesos sobre o desempenho motor, a composição corporal e indicadores de fadiga. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: