Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Banco de sementes autóctone e alóctone, resgate de plantas e plantio de vegetação nativa na fazenda Intermontes, município de Ribeirão Grande, SP (2005)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NAVE, ANDRE GUSTAVO - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LCB
  • Subjects: SEMENTES; FOTOINTERPRETAÇÃO; VARIAÇÃO GENÉTICA EM PLANTAS; PLANTAS NATIVAS; REABILITAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS
  • Language: Português
  • Abstract: O acúmulo significativo de conhecimento sobre a ecologia de restauração nos últimos anos tem conduzido a mudanças na orientação dos programas de manejo e restauração florestal. A escolha ou criação de um modelo de restauração é um processo em constante aprimoramento, exigindo a necessidade de estudos que não apenas diminuam os custos envolvidos, mas também, que garantam a efetividade do objetivo proposto. Neste sentido, este trabalho testa novas metodologias de restauração visando a obtenção de informações técnicas sobre: A) a expressão do banco de sementes autóctone e alóctone na restauração florestal de diferentes situações de degradação antrópica.; B) o resgate de plântulas e indivíduos de espécies arbustivo-arbóreas regenerantes; C) a eficiência de um modelo de plantio que utiliza conceitos de Preenchimento e Diversidade e; D) a evolução da paisagem. Para análise dos bancos de sementes autóctone e alóctone foram feitos levantamentos da densidade e das espécies arbustivo-arbóreas regeneradas. No resgate de indivíduos de espécies arbustivo-arbóreas regenerantes, as plântulas e indivíduos jovens foram resgatadas em uma floresta e levadas para adapatação em viveiro, onde tiveram seus indivíduos e espécies contabilizados em termos de densidade e sobrevivência. No modelo de plantio estudado, as espécies foram reunidas em grupos de Preenchimento e Diversidade e tiveram a cobertura de copa de cada indivíduo quantificada. A evolução da paisagem foirealizada através de fotointerpretação e principalmente checagem de campo periódica. Os principais resultados dessas metodologias foram: A) As situações identificadas na Fazenda Intermontes apresentaram diferentes expressões de regeneração natural em função do número de indivíduos germinados banco de sementes autóctone. O aproveitamento dessa expressão poderá ser realizado através de metodologias diferenciadas de ) restauração para cada situação estudada: B) No estudo do Banco de sementes alóctone, a densidade dos indivíduos germinados se foi de 409.334 indivíduos/ha, revelando a possibilidade de uso no programa de restauração. Os indivíduos arbóreos apresentaram na área adubada um acréscimo de 137,3 % em sua altura média em relação aos indivíduos da área não adubada. C) No resgate de plântulas e indivíduos de espécies arbustivo-arbóreas regenerantes, a densidade dos indivíduos foi muito próxima para as duas épocas do ano, sendo 38.700 ind./ha e 37.900 ind./ha, mas com uma diferença significante para os indivíduos sobreviventes que apresentaram 16.500 ind./ha e 26.600 ind./ha para os meses de julho e dezembro de 2002, respectivamente. A técnica de resgate utilizada se mostrou viável uma vez que foi possível alcançar até 70,9% de sobrevivência para os indivíduos resgatados; D) No estudo sobre o modelo de plantio foram amostrados 143 espécies, demonstrando que a função do grupo da diversidade vem sendo mantida e aumentando as chances de efetivação dos processos desucessão. Os resultados mostraram que o grupo de Preenchimento apresentou-se com uma porcentagem de cobertura significativamente maior que a do grupo de Diversidade, sendo 73,6% e 83,3% para 1,5 e 2,5 anos respectivamente
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.04.2005
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500026743t634.9 N323b e.2 85014
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NAVE, André Gustavo; RODRIGUES, Ricardo Ribeiro. Banco de sementes autóctone e alóctone, resgate de plantas e plantio de vegetação nativa na fazenda Intermontes, município de Ribeirão Grande, SP. 2005.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-02062005-153506/ >.
    • APA

      Nave, A. G., & Rodrigues, R. R. (2005). Banco de sementes autóctone e alóctone, resgate de plantas e plantio de vegetação nativa na fazenda Intermontes, município de Ribeirão Grande, SP. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-02062005-153506/
    • NLM

      Nave AG, Rodrigues RR. Banco de sementes autóctone e alóctone, resgate de plantas e plantio de vegetação nativa na fazenda Intermontes, município de Ribeirão Grande, SP [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-02062005-153506/
    • Vancouver

      Nave AG, Rodrigues RR. Banco de sementes autóctone e alóctone, resgate de plantas e plantio de vegetação nativa na fazenda Intermontes, município de Ribeirão Grande, SP [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-02062005-153506/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: