Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Transformação genética de citros com os genes bacteriopsina (bO), cecropina e gus (2005)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: AZEVEDO, FERNANDO ALVES DE - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LPV
  • Subjects: AGROBACTERIUM; CLOROSE VARIEGADA DOS CITROS; GOMOSE; RESISTÊNCIA GENÉTICA VEGETAL; CANCRO (DOENÇA DE PLANTA)
  • Language: Português
  • Abstract: A utilização de técnicas biotecnológicas como a transformação genética, tem auxiliado os programas de melhoramento de plantas perenes. Essa técnica já é utilizada em citros com sucesso, principalmente para obtenção de plantas tolerantes a doenças. O presente trabalho teve três objetivos: 1.transformação genética do porta-enxerto limão ‘Cravo’ com o gene bacteriopsina (bO), relacionado com ativação de mecanismos de defesa da planta como morte programada de células e produção de ácido salicílico, com o intuito de aumentar a resistência a gomose de Phytophthora; 2. transformação genética das principais variedades copas de laranja doce (‘Hamlin’, ‘Valência’, ‘Natal’ e ‘Pêra’) com o gene da cecropina. Esse gene possui atividade antibacteriana, tornando-se possível fonte de resistência a cancro cítrico e clorose variegada dos citros e; 3. avaliar a viabilidade da utilização de um promotor específico de xilema em citros. As transformações foram efetuadas pelo sistema indireto via Agrobacterium tumefaciens, utilizando segmentos juvenis de epicótilo. Testes moleculares foram realizados e confirmaram a inserção dos genes descritos acima. No caso do limão ‘Cravo’ duas plantas foram regeneradas. Na transformação das variedades copa com o gene da cecropina, diferentes taxas de eficiência foram observadas, sendo que melhores resultados foram obtidos para laranja ‘Valência (3,3-4,5 %) e laranja ‘Hamlin’ (2,5-3,0 %) em comparação com laranja ‘Natal’ (1,6-2,0 %) e laranja‘Pêra’ (0,5 %). Plantas de laranja ‘Valência’ também foram transformadas com o promotor da fenilalamina amônia-liase. Além das transformações, dois bioensaios foram instalados: um com as plantas de limão ‘Cravo’, visando avaliar resistência a gomose de Phytophthora e outro, com laranja ‘Valência’ transformada com o gene da cecropina. No primeiro caso, propagaram-se por enxertia plantas transgênicas de limão ) ‘Cravo’ e, após seis meses fez-se a inoculação com Phytophtora nicotianae, que consistiu na introdução de agulha contaminada com propágulos do patógeno, numa altura de 10 cm acima da região da enxertia. Vinte e cinco dias após aferiu-se o comprimento e área das lesões, bem como observou-se a presença de goma. Comparando-se o desempenho das duas linhagens transgênicas com o limão ‘Cravo’ não transformado, uma delas apresentou menor área a lesão. Já para as plantas com o gene cecropina um ensaio com folha destacada foi realizado, em que as mesmas foram perfuradas com auxílio de uma agulha e, posteriormente, pulverizadas com uma suspensão da bactéria Xanthomonas axonopodis pv. citri e, mantidas em tubo de centrífuga (50 mL), onde os pecíolos permaneciam em contato com água estérial (2 mL). Avaliou-se o período necessário para o aparecimento das primeiras lesões e o tamanho das lesões após quinze dias. Uma planta transgênica apresentou maior resistência perante a testemunha. Nas plantas transformadas com o promotor da fenilalamina amônia-liase, testes paraobservar a expressão do gene GUS foram realizados e comprovaram a capacidade desse promotor em direcionar os genes para a região dos vasos condutores. Os resultados obtidos nesse trabalho são pioneiros em citros, utilizando os genes bO, cecropina e o promotor PAL.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.06.2005
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500105993-St634.3 A994t e.1 85634
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      AZEVEDO, Fernando Alves de; MOURÃO FILHO, Francisco de Assis Alves; MENDES, Beatriz Madalena Januzzi. Transformação genética de citros com os genes bacteriopsina (bO), cecropina e gus. 2005.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-15072005-163530/ >.
    • APA

      Azevedo, F. A. de, Mourão Filho, F. de A. A., & Mendes, B. M. J. (2005). Transformação genética de citros com os genes bacteriopsina (bO), cecropina e gus. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-15072005-163530/
    • NLM

      Azevedo FA de, Mourão Filho F de AA, Mendes BMJ. Transformação genética de citros com os genes bacteriopsina (bO), cecropina e gus [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-15072005-163530/
    • Vancouver

      Azevedo FA de, Mourão Filho F de AA, Mendes BMJ. Transformação genética de citros com os genes bacteriopsina (bO), cecropina e gus [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-15072005-163530/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: