Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo da deglutição de pacientes com imobilidade unilateral de prega vocal (2005)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: GONZAGA, GERUZA COSTA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: DEGLUTIÇÃO; CORDAS VOCAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho objetivou o estudo das fases oral e faríngea da deglutição de 14 pacientes consecutivos portadores de imobilidade unilateral da prega vocal, sendo oito com o diagnóstico sugestivo de lesão neurogênica dos ramos laríngeos (n=8), apontados pela eletroneuromiografia (grupo 1), e seis pacientes que apresentaram ausência de comprometjmento neurológico sugerida pelo mesmo exame (n=6). Estes pacientes foram reunidos, independentemente do resultado eletroneuromiográfico, constituindo o grupo 3 (n=14). O grupo 4 (controles) foi formado por indivíduos saudáveis (n=11). Os pacientes do grupo 3 responderam um questionário a respeito das queixas de deglutição e, posteriormente, submeteram-se ao exame videofluoroscópico da deglutição. Os indivíduos do grupo 4 também foram submetidos ao mesmo exame. Foram consideradas as medidas do tempo de movimentação do osso hióide, trânsito oral, trânsito faríngeo, trânsito pelo segmento faringoesofágico, depuração faríngea e tempo de residência do alimento sobre o segmento faringoesfágico. Todos os indivíduos do grupo 1 apresentavam queixas relacionadas à voz e à deglutição No grupo 2, todos apresentavam queixas vocais e quatro, queixas de deglutição. As principais alterações mencionadas foram: presença de tosse e/ou engasgo e cansaço durante a alimentação. Segundo eles, essas dificuldades ocorreram predominantemente de maneira esporádica. Dentre as consistências do alimento, a líquida foi apresentada como a de maiordificuldade A partir da análise estatística, não foram verificadas diferenças entre os tempos dos fenômenos estudados, com exceção do trânsito do alimento pelo segmento faringoesofágico na deglutição de 10 ml da consistência liquida e 5 ml da consistência pastosa dos indivíduos do grupo 3 em relação ao grupo 4; e na deglutição de 5 ml do alimento pastoso dos indivíduos do grupo 1 comparados ao grupo 4. Foram sequencializados os fenômenos do trânsito orofaríngeo dos indivíduos do grupo 3 e 4, a partir do inicio da fase oral, não sendo observadas alterações na seqüência dos eventos entre os grupos. De maneira geral, houve uma tendência a uma maior duração dos fenômenos estudados nos indivíduos do grupo 3 em comparação ao grupo 4
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.12.2005

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200031363Gonzaga, Geruza Costa
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GONZAGA, Geruza Costa; DANTAS, Roberto Oliveira. Estudo da deglutição de pacientes com imobilidade unilateral de prega vocal. 2005.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2005.
    • APA

      Gonzaga, G. C., & Dantas, R. O. (2005). Estudo da deglutição de pacientes com imobilidade unilateral de prega vocal. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Gonzaga GC, Dantas RO. Estudo da deglutição de pacientes com imobilidade unilateral de prega vocal. 2005 ;
    • Vancouver

      Gonzaga GC, Dantas RO. Estudo da deglutição de pacientes com imobilidade unilateral de prega vocal. 2005 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: