Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Análise da ocorrência e classificação penal das lesões maxilofaciais do Instituto Médico Legal do Município de Taubaté (2005)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BASTOS, KATIA APARECIDA BUENO SANTOS - FO
  • USP Schools: FO
  • Sigla do Departamento: ODS
  • Subjects: TRAUMATISMOS FACIAIS; ACIDENTES DE TRÂNSITO
  • Language: Português
  • Abstract: Nesta pesquisa, foi realizado o levantamento da ocorrência de traumatismos faciais e dentários. A autora utilizou na sua amostra 1.374 laudos de vítimas de traumatismos faciais presentes nos arquivos do Instituto Médico Legal do Município de Taubaté. A maioria das vítimas de traumatismos faciais (61,4%) da amostra é do sexo masculino, na faixa etária dos 20 aos 29 anos de idade e o agente etiológico mais freqüente foi a violência interpessoal. Dos traumatismos faciais, 93,1% das vítimas tiveram lesões de tecido mole, 2,5% apenas lesões de tecido duro e 4,4% apresentaram lesões associadas de tecido mole e duro. No que tange aos tecidos duros, verificou-se que 54,3% das vítimas sofreram somente fraturas ósseas, 31,4% tiveram lesões dentárias e 5,2% traumatismos ósteo-dentários. Os traumatismos dentários ocorreram com maior freqüência no sexo masculino (54,8%) e idade entre 20 a 29 anos e predominou como agente etiológico a violência interpessoal. A maioria das vítimas (61,3%) de traumatismos dentários teve o envolvimento de um único dente. A avaliação do dano, presente nos laudos, classificou a maioria dos traumas dentários como sendo de natureza grave (45,2%). Verificou-se também que, após a vigência da lei de obrigatoriedade do uso do cinto de segurança, houve uma redução de 5,9% nas vítimas de acidentes de trânsito com traumas faciais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.08.2005
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FO11500016567CRFO339
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BASTOS, Katia Aparecida Bueno Santos; CARDOZO, Hilda Ferreira. Análise da ocorrência e classificação penal das lesões maxilofaciais do Instituto Médico Legal do Município de Taubaté. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-27092005-144021/ >.
    • APA

      Bastos, K. A. B. S., & Cardozo, H. F. (2005). Análise da ocorrência e classificação penal das lesões maxilofaciais do Instituto Médico Legal do Município de Taubaté. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-27092005-144021/
    • NLM

      Bastos KABS, Cardozo HF. Análise da ocorrência e classificação penal das lesões maxilofaciais do Instituto Médico Legal do Município de Taubaté [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-27092005-144021/
    • Vancouver

      Bastos KABS, Cardozo HF. Análise da ocorrência e classificação penal das lesões maxilofaciais do Instituto Médico Legal do Município de Taubaté [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-27092005-144021/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: