Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Regulação pelo complexo basolateral da amigdala dos estados aversivos gerados pela estimulação do colículo inferior: modulação por mecanismos serotoninérgicos (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MACEDO, CARLOS EDUARDO ANTUNES DE - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: PSICOBIOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: O colículo inferior (CI) além de ser uma estação importante no tronco encefálico para a transmissão de informações auditivas para centros superiores também participa do chamado sistema encefálico aversivo. A amígdala é uma estrutura fundamental na aquisição e expressão do medo condicionado e incondicionado. Essa regulação do medo pela amígdala parece mediada por mecanismos dopaminérgicos e serotoninérgicos. Tem sido demonstrado que a amígdala influencia os estados aversivos gerados a partir do CI. Assim, a lesão eletrolítica ou serotoninérgica do complexo basolateral da amígdala (CBL) causa um aumento na aversividade gerada pela estimulação do CI, enquanto que essas lesões no núcleo central da amígdala (NCe) causam uma redução nessa aversividade. A estimulação aversiva do CI também provoca um aumento nos níveis extracelulares de dopamina no cóftex frontal, que mantém conexões com a amígdala. Nesse estudo, examinamos i) os efeitos da estimulação do CI sobre os níveis extracelulares de dopamina (DA) e serotonina (5-HT) no CBL e no NCe; ii) os efeitos da inativação com muscimol e de antagonistas de receptores 5-HT2 e DI no CBL no medo condicionado e um aumento do medo incondicionado promovidos pela estimulação do CI; e iii) os efeitos da inativaçãocom muscimol e lidocaína do CBL sobre as conseqüências comportamentais e neuroquímicas da estimulação aversiva do CI. Os resultados mostram que a esrimulação aversiva do CI causa um aumento nos níveis extracelularesde DA e 5-HT no CBL sem, contudo, afetá-los no NCe. A inativação ou o bloqueio dos receptores D1 ou 5-HT2 no CBL causam uma redução no medo condicionado e um aumento do medo incondicionado promovidos pela estimulação do CI. A inativação do CBL reduziu o incremento nos níveis extracelulares de DA produzido pela estimulação do CI. Os resultados desse estudo mostram que a estimulação aversiva do CI aumenta a liberação extracelular de DA e 5-HT no CBL. Por sua vez, a DA e a 5-HT regulam as respostas do medo condicionado e incondicionado gerado pela estimulação do CI. Especificamente, a DA e a 5-HT no CBL parecem facilitar o medo condicionado e inibir o medo incondicionado gerados pela estimulação aversiva no CI. O CBL parece também regular a ativação de mecanismos dopaminérgicos corticofrontais produzido pela estimulação aversiva do CI
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.06.2006

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCLRP20800021703Macedo, Carlos E. Antunes
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACEDO, Carlos Eduardo Antunes de; BRANDÃO, Marcus Lira. Regulação pelo complexo basolateral da amigdala dos estados aversivos gerados pela estimulação do colículo inferior: modulação por mecanismos serotoninérgicos. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006.
    • APA

      Macedo, C. E. A. de, & Brandão, M. L. (2006). Regulação pelo complexo basolateral da amigdala dos estados aversivos gerados pela estimulação do colículo inferior: modulação por mecanismos serotoninérgicos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Macedo CEA de, Brandão ML. Regulação pelo complexo basolateral da amigdala dos estados aversivos gerados pela estimulação do colículo inferior: modulação por mecanismos serotoninérgicos. 2006 ;
    • Vancouver

      Macedo CEA de, Brandão ML. Regulação pelo complexo basolateral da amigdala dos estados aversivos gerados pela estimulação do colículo inferior: modulação por mecanismos serotoninérgicos. 2006 ;