Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Flora da Cadeia do Espinhaço: Zephyranthes Herb. & Habranthus Herb. (Amaryllidaceae) (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OLIVEIRA, RENATA SOUZA DE - IB
  • USP Schools: IB
  • Sigla do Departamento: BIB
  • Subjects: AMARYLLIDACEAE; MORFOLOGIA VEGETAL
  • Language: Português
  • Abstract: Habranthus Herb. (Amaryllidaceae) é caracterizado pelas brácteas da inflorescência fundidas formando um tubo e flores zigomorfas. O gênero se distribui na América do Sul, México e sudoeste dos Estados Unidos. Este trabalho teve por objetivo levantar as espécies de Habranthus (Amaryllidaceae) ocorrentes na Cadeia do Espinhaço (Minas Gerais e Bahia), bem como elucidar sua delimitação taxonômica por meio de análise morfológica. O gênero está representado na região por 8 espécies: H. bahiensis Ravenna (endêmica de Morro do Chapéu - BA), H. Datensis Ravenna (Distribuída desde a Serra do Cipó até região de Diamantina - MG), H. cf. gracilifolius Herb. (ocorrente na região de Corinto - MG), H. irwinianus Ravenna (em serras próximas a Belo Horizonte, Serra da Canastra e Ibitipoca - MG), H. itaobinus Ravenna (no norte de Minas Gerais e região Nordeste), H. sylvaticus (Mart ex Schult) Herb. ( na região Nordeste), H. botumirensis R. S. Oliveira (endêmico de Botumirim - MG) H. contasensis Ravenna ex R. S. Oliveira (endêmica de Rio de Contas - BA). H. botumirensis e H. contasensis constituem espécies novas para a ciência e foi proposta a sinonímização de H. duarteanus em H. irwinianus. O trabalho apresenta chave para as espécies, descrições, ilustrações, comentários e distribuição geográfica. São apresentadas análises na morfologia de bublo, anatomia de folha, escapo e raiz, dados de morfologia floral, além do provimento de box-plots e análise de ordenação (PCA) comdados morfométricos. O número de ramos no bulbo, ornamentação da cutícula foliar, distribuição dos estômatos, formato das tépalas, e de seus ápices, características do paraperigônio, posição dos filetes e coloração da flor doram os principais caracteres que auxiliaram na distinção de grupos e/ou espécies. A análise com dados morfométricos colaborou na distinção das maiores espécies e auxiliou na separação das populações de H. irwinianus
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.03.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IB12000023173M-1229
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Renata Souza de; SANO, Paulo Takeo. Flora da Cadeia do Espinhaço: Zephyranthes Herb. & Habranthus Herb. (Amaryllidaceae). 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-17092006-174500/ >.
    • APA

      Oliveira, R. S. de, & Sano, P. T. (2006). Flora da Cadeia do Espinhaço: Zephyranthes Herb. & Habranthus Herb. (Amaryllidaceae). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-17092006-174500/
    • NLM

      Oliveira RS de, Sano PT. Flora da Cadeia do Espinhaço: Zephyranthes Herb. & Habranthus Herb. (Amaryllidaceae) [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-17092006-174500/
    • Vancouver

      Oliveira RS de, Sano PT. Flora da Cadeia do Espinhaço: Zephyranthes Herb. & Habranthus Herb. (Amaryllidaceae) [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-17092006-174500/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: