Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo da dinâmica populacional do caranguejo-uçá, Ucides cordatus cordatus (LINNAEUS, 1763) (CRUSTACEA-DECAPODA-BRACHYURA), e dos efeitos de uma mortalidade em massa desta espécie em manguezais do Sul da Bahia (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SCHMIDT, ANDERS JENSEN - IO
  • USP Schools: IO
  • Subjects: CRUSTÁCEOS; ECOLOGIA DE POPULAÇÕES
  • Language: Português
  • Abstract: Além de sua importância ecológica para o ecossistema manguezal, o caranguejo-uçá (Ucides cordatus cordatus) é um importante recurso pesqueiro para comunidades de baixa renda do Brasil. Eventos de mortalidade em massa desta espécie têm sido registrados ao longo de vários manguezais da costa da Região Nordeste. A primeira etapa deste trabalho foi realizada de outubro/2003 a outubro/2004 e teve como objetivo estudar a dinâmica populacional do caranguejo-uçá em zonas de um manguezal do Município de Cavieiras/BA (afetado pela mortalidade em massa), comparando-o com zonas de um manguezal do Município de Caravelas/BA (não afetado pela mortalidade em massa). Após o término desta primeira etapa, a mortalidade em massa atingiu manguezais de Caravelas, iniciando-se então a segunda etapa, que teve como objetivo descrever e quantificar os efeitos deste fenômeno neste local em janeiro/2005 e julho/2005. Em Canavieiras e Caravelas, foram amostrados mensalmente 4 quadrados aleatórios de 5 x 5m em uma zona de L. racemosa (mangue branco ou manso) na margem do canal, 4 em uma zona intermediária de R. mangle (mangue vermelho) e 4 em uma zona de apicum, na transição entre o manguezal e a terra firme. Dentro dos quadrados, todas as aberturas de galerias de U. cordatus cordatus foram contadas e medidas, e um coletor de caranguejos removeu, quando possível, o caranguejo correspondente para biometria. Também foi registrada a presença de caranguejos em processo de ecdise, de fêmeasovígeras, de galerias tapadas e galerias vazias. Adicionalmente, foram feitas estimativas da inundação dos quadrados amostrados, com base na faixa de algas nos troncos dos mangues. Através de uma regressão linear da variável menor diâmetro de abertura de galeria em função do comprimento do cefalotórax, chegou-se a uma equação de reta que permitiu a transformação de todas as medidas de galeria em medidas de comprimento de caranguejo. Foi observado que, ) quanto maior a inundação da zona, maior o comprimento dos caranguejos que nela habitam e que a maior freqüência de caranguejos de pequeno porte nas zonas menos inundadas, deve-se ao fato do recrutamento ocorrer neste ambiente. Em Canavieiras, foram registrados, em campo, 113 recrutas (comprimento<0,9cm), todos dentro de galerias de outros caranguejos encontrados em áreas pouco inundadas, principalmente no limite inferior da zona de acupim. Os picos de recrutamento ocorreram de junho a outubro de 2004, indicando que os recrutas tinham cerca de 3 meses de idade. A confirmação de que o apicum funciona como um berçário para o caranguejo-uçá reforça a importância de preservação deste ambiente. A sub-população estudada em Canavieras apresentou um aumento da densidade populacional e um deslocamento da moda para classes de comprimento maiores. Esta aparente recuperação pode estar ligada ao súbito aparecimento de caranguejos escondidos em suas galerias ou à migração de indivíduos vindos de zonas não afetadas.Canavieiras apresentou densidade populacional e comprimento médio de U. cordatus cordatus significativamente menores que Caravelas, indicando que, aparentemente, sua sub-população de caranguejos ainda não se recupera totalmente da mortalidade em massa. Em Caravelas, registrou-se uma distribuição espacial diferenciada de machos, predominantes nas zonas mais inundadas de R. Mangle, e de fêmeas, que predominaram nas zonas menos inundadas de L. racemosa, na margem do canal. Durante a ocorrência da mortalidade em massa de U. cordatus cordatus em Caravelas, observou-se que a maior parte dos caranguejos sai de suas galerias antes de morrer e que indivíduos de todos os tamanhos, nas três zonas, foram atingidos. A maior redução da densidade populacional, no entanto, foi registrada na zona de R. mangle, mais inundada, indicando que o agente causador da mortalidade em massa parece estar associado à água. ) Em julho/2005, seis meses após o início da mortalidade em massa, a amostragem em Caravelas registrou uma redução de 97,6% na densidade de caranguejos em tamanho comercial, valor que , extrapolando para os 11.000ha do sistema estuarino em questão, equivaleria à cerca de 45.000.000 de caranguejos mortos e um prejuízo de pelo menos R
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.03.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IO1220001418503.316.2 S376e Tese Mestr
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SCHMIDT, Anders Jensen; TARARAM, Airton Santo. Estudo da dinâmica populacional do caranguejo-uçá, Ucides cordatus cordatus (LINNAEUS, 1763) (CRUSTACEA-DECAPODA-BRACHYURA), e dos efeitos de uma mortalidade em massa desta espécie em manguezais do Sul da Bahia. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, BSP, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/21/21131/tde-24092009-112525/ >.
    • APA

      Schmidt, A. J., & Tararam, A. S. (2006). Estudo da dinâmica populacional do caranguejo-uçá, Ucides cordatus cordatus (LINNAEUS, 1763) (CRUSTACEA-DECAPODA-BRACHYURA), e dos efeitos de uma mortalidade em massa desta espécie em manguezais do Sul da Bahia. Universidade de São Paulo, São Paulo, BSP. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/21/21131/tde-24092009-112525/
    • NLM

      Schmidt AJ, Tararam AS. Estudo da dinâmica populacional do caranguejo-uçá, Ucides cordatus cordatus (LINNAEUS, 1763) (CRUSTACEA-DECAPODA-BRACHYURA), e dos efeitos de uma mortalidade em massa desta espécie em manguezais do Sul da Bahia [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/21/21131/tde-24092009-112525/
    • Vancouver

      Schmidt AJ, Tararam AS. Estudo da dinâmica populacional do caranguejo-uçá, Ucides cordatus cordatus (LINNAEUS, 1763) (CRUSTACEA-DECAPODA-BRACHYURA), e dos efeitos de uma mortalidade em massa desta espécie em manguezais do Sul da Bahia [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/21/21131/tde-24092009-112525/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: