Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Uso de proteínas recombinantes para o estudo da Resposta IgE a alérgenos de baratas (Blattella Germanica e Periplaneta Americana) em pacientes com asma e/ou rinite (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: RODRIGUES, MICHELLE CHRISTIANE - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: ASMA; BARATAS; PROTEÍNAS RECOMBINANTES (IMUNOLOGIA)
  • Language: Português
  • Abstract: Proteínas derivadas de baratas são importantes causa de doenças respiratórias mediadas por IgE, tais como rinite alérgica e asma. Vários alérgenos de Blattella germanica e Periplaneta americana foram identificados, clonados, seqüenciados e produzidos como proteínas recombinantes com atividade biológica. Apesar de existir reatividade cruzada para extratos de B. germanica e P. americana em testes cutâneos, a maioria dos alérgenos é espécie-específico. Previamente nós identificamos tropomiosina como principal alérgeno de P. americana. A seqüência de aminoácidos deste alérgeno (per a 7) mostrou 80 a 82% de identidade de seqüência com tropomiosinas de camarão e ácaros, as quais são importantes proteínas de ligação a IgE. Utilizando primers baseados na seqüência conservada de tropomiosina de P. americana, nós determinamos a seqüência de tropomiosina de Ascaris lumbricoides, a qual mostrou 90 a 98% de identidade com tropomiosinas de outros parasitas, incluindo Anisakis simpex, e 69 a 74% de identidade com tropomiosinas de baratas e ácaros. Nós expressamos tropomiosina recombinate de P. americana e de A. lumbricoides no sistema Pichia pastoris. Detecção de anticorpos IgE é essencial para confirmar o diagnóstico de alergia, identificar sensibilidade específica e guiar o tratamento. O testes cutâneo é o principal método para identificar a presença de IgE alérgeno-específica. Atualmente extratos comerciais de barata disponíveis para testes cutâneos mostram umaampla variação no conteúdo e no nível de alérgenos principais, o que poderia estar associado com inconsistência no diagnóstico. Alérgenos recombinates poderiam apresentar vantagens sobre os extratos comercialmente disponíveis, incluindo o uso de doses conhecidas de alérgenos altamente purificados e a possibilidade de preparo de uma mistura de alérgenos bem definidos para diagnóstico e tratamento de alergia. Entretanto, a reatividade in vivo para alérgenos recombinantes não tem sido investigada em um grande número de pacientes alérgicos a baratas. No presente, nós realizamos testes cutâneos em 57 pacientes com asma e/ou rinite, alérgicos a barata, utilizando um painel de alérgenos recombinantes de P. americana e de B. germanica. Além disso, nós examinamos presença de IgE específica no soro para Per a 1, Per a 7 e tropomiosina recombinante de A. lumbricoides. Nossos resultados confirmaram que tropomiosina de barata (per a 7) é um importante alérgeno no Brasil. Aproximadamente metade dos pacientes apresentaram testes cutâneos positivos e/ou anticorpos IgE Per a 7, enquanto menos de 10% tiveram testes positivos para os outros alérgenos testados (rPer a 1, rBla g 2, rBla g 4 e rBla g 5). Estudos futuros serão necessários para estabelecer um painel de alérgenos de barata, os quais poderão identificar, por testes cutâneos, a maioria dos pacientes alérgicos a barata
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.08.2006

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200031972Rodrigues, Michelle Christiane
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RODRIGUES, Michelle Christiane; ARRUDA, Luísa Karla de Paula. Uso de proteínas recombinantes para o estudo da Resposta IgE a alérgenos de baratas (Blattella Germanica e Periplaneta Americana) em pacientes com asma e/ou rinite. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006.
    • APA

      Rodrigues, M. C., & Arruda, L. K. de P. (2006). Uso de proteínas recombinantes para o estudo da Resposta IgE a alérgenos de baratas (Blattella Germanica e Periplaneta Americana) em pacientes com asma e/ou rinite. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Rodrigues MC, Arruda LK de P. Uso de proteínas recombinantes para o estudo da Resposta IgE a alérgenos de baratas (Blattella Germanica e Periplaneta Americana) em pacientes com asma e/ou rinite. 2006 ;
    • Vancouver

      Rodrigues MC, Arruda LK de P. Uso de proteínas recombinantes para o estudo da Resposta IgE a alérgenos de baratas (Blattella Germanica e Periplaneta Americana) em pacientes com asma e/ou rinite. 2006 ;