Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeitos de intervenções educativas no conhecimento e práticas de profissionais de enfermagem e na incidência de úlcera de pressão em centro de terapia intensiva (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERNANDES, LUCIANA MAGNANI - EERP
  • USP Schools: EERP
  • Sigla do Departamento: ERG
  • Subjects: ÚLCERA; ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM; ENFERMAGEM CIRÚRGICA
  • Language: Português
  • Abstract: O desenvolvimento de úlceras de pressão em pacientes hospitalizados é um grande problema de saúde que envolve vários fatores relacionados com o paciente e com o meio externo. A prática baseada em evidências torna-se uma proposta eficaz na adoção de medidas para a prática clínica que promovam a melhoria da qualidade do cuidado. Esta pesquisa foi desenvolvida com os objetivos de avaliar os efeitos de intervenções educativas no conhecimento dos profissionais de enfermagem em Centro de Terapia Intensiva, nas medidas prevenção utilizadas em sua prática clínica e nas taxas de incidência de úlcera de pressão e avaliar os fatores de risco presentes nos pacientes e a adequação das ações realizadas pela equipe de enfermagem. Foi desenvolvida em um Centro de Terapia Intensiva de um hospital universitário, de nível terciário e de grande porte no interior do Estado de São Paulo. O caminho metodológico foi construído considerando as fases do processo de adoção de uma inovação proposta por Rogers. Foram realizadas intervenções educativas junto à equipe de enfermagem visando à persuasão para a adoção de inovações para prevenção de úlceras de pressão baseadas em evidências. Para avaliar os efeitos das intervenções educativas, foram conduzidos três estudos na fase pré-intervenção e repetidos na fase pós-intervenção. No primeiro estudo, buscou-se identificar o nível de conhecimento dos profissionais da equipe de enfermagem sobre a úlcera de pressão e medidas de prevenção por meiode instrumento que continha questões fechadas. No segundo estudo, foi identificada a prática clínica adotada pela equipe de enfermagem para a prevenção de úlcera de pressão, por meio de observação não participativa. O terceiro estudo tratou da identificação da taxa de incidência de úlcera de pressão em pacientes internados no CTI e dos fatores de risco relacionados a esses. Os resultados evidenciaram que a ) intervenção educativa influenciou no conhecimento dos profissionais da equipe de enfermagem e em alguns aspectos de suas práticas clínicas referentes aos cuidados de prevenção, porém, não influenciou na incidência de úlcera de pressão, que foi de 62,5% nas fases pré e pós-intervenção. As variáveis estudadas associadas desenvolvimento de úlceras de pressão foram os escores das Escalas de Braden e Glasgow tempo de internação do paciente. Destaca-se a pouca participação dos enfermeiros nos cuidados básicos de higiene e avaliação do paciente. Alguns pontos importantes devem ter maior atenção dos enfermeiros e ter maior enfoque em programas educacionais. São eles: cuidados básicos de higiene; intensificação dos cuidados de prevenção, especialmente mobilização do paciente; adoção de instrumentos para avaliação do risco para o desenvolvimento de úlcera de pressão; realização de programas educacionais periódicos, enfocando a prevenção e adoção de estratégias para monitoramento do problema. Considerando os aspectos da prevenção de úlceras de pressão, uma práticacriteriosa e de qualidade deve ser prioritária, utilizando-se estratégias que possam envolver a instituição e a equipe multidisciplinar que atua no CTI
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.07.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EE10200011107T3043
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERNANDES, Luciana Magnani; CALIRI, Maria Helena Larcher. Efeitos de intervenções educativas no conhecimento e práticas de profissionais de enfermagem e na incidência de úlcera de pressão em centro de terapia intensiva. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-31082006-164028/ >.
    • APA

      Fernandes, L. M., & Caliri, M. H. L. (2006). Efeitos de intervenções educativas no conhecimento e práticas de profissionais de enfermagem e na incidência de úlcera de pressão em centro de terapia intensiva. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-31082006-164028/
    • NLM

      Fernandes LM, Caliri MHL. Efeitos de intervenções educativas no conhecimento e práticas de profissionais de enfermagem e na incidência de úlcera de pressão em centro de terapia intensiva [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-31082006-164028/
    • Vancouver

      Fernandes LM, Caliri MHL. Efeitos de intervenções educativas no conhecimento e práticas de profissionais de enfermagem e na incidência de úlcera de pressão em centro de terapia intensiva [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-31082006-164028/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: