Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Reconhecimento de padrões auditivos de freqüência e de duração em crianças usuárias de implante coclear multicanal (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FREDERIGUE, NATáLIA BARRETO - IP
  • USP Schools: IP
  • Sigla do Departamento: NEC
  • Subjects: DEFICIENTE AUDITIVO; PERCEPÇÃO AUDITIVA; CÓCLEA
  • Language: Português
  • Abstract: A resolução temporal tem sido estudada em usuários de implante coclear (IC) de acordo com os novos algoritmos implementados nas estratégias de codificação da fala. O objetivo deste estudo foi determinar o perfil de desempenho de crianças usuárias de IC multicanal nas tarefas de detecção de seqüência temporal em dois testes comportamentais, Teste de Padrões de Freqüência (TPF) e Teste de Padrões de Duração (TPD). Avaliou-se 43 crianças usuárias de IC com idade entre 7 e 11 anos e 5 meses, regularmente matriculadas e acompanhadas no Centro de Pesquisas Audiológicas do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo. Destas 26 eram usuárias do IC Combi®40+ com a estratégia de codificação da fala Continuous Interleaved Sampler, cinco do IC Nucleus®24K e 12 do Nucleus®24M com a estratégia Advanced Combination Encoder, sendo 28 do gênero feminino e 15 do masculino. O tempo médio de surdez foi de 3 anos e o tempo médio de uso do IC de 4 anos e 9 meses. Ambos os testes foram aplicados em campo livre a 60 dBNA. As crianças foram solicitadas a responder por meio de respostas não verbal (NV) e verbal (V). O TPF constou da apresentação de uma seqüência de 3 tons com duração de 500 ms que diferiam na freqüência, 1430 Hz (alto) ou 880 Hz (baixo), perfazendo um total de 6 padrões distintos. O TPD constou da apresentação de uma seqüência de 3 tons de 1000 Hz que diferiam na duração, 500 ms (longo) ou 250 ms (curto), constituído também de 6padrões de seqüências distintos. Foram apresentadas 10 repetições dos 6 padrões no total de 60 estímulos para TPD e TPF, em cada criança. Aplicou-se o mesmo protocolo de testes em 43 crianças, balanceadas em gênero e faixa etária, sem alterações de linguagem, fala, audição e/ou aprendizagem (grupo controle). Realizou-se análise estatística multivariada com o teste da razão de verossimilhança no modelo logístico ) ajustado e com testes de correlação. As análises evidenciaram que o desempenho no TPF com resposta NV foi significativamente superior à resposta V para todos os sujeitos, por outro lado observou-se diferença de desempenho entre as respostas NV e V apenas nas crianças entre 7 e 9 anos do grupo experimental. Constatou-se melhora significativa do desempenho com a idade para o TPDNV e TPDV (grupo experimental) e para o TPFV, TPDNV e TPDV (grupo controle). Todos os usuários do IC Combi®40+ apresentaram desempenho superior aos usuários do IC Nucleus®24K e Nucleus®24M em todas as condições avaliadas. Não houve correlações entre o desempenho e o tempo de uso do IC, tempo de surdez e teste de percepção da fala. Os sujeitos do gênero masculino apresentaram desempenhos superiores ao feminino para a maioria dos testes. O desempenho no TPF foi superior ao TPD. Neste estudo, as diferenças existentes em relação ao processamento do sinal nos IC devem ter interferido no desempenho das habilidades de ordenação temporal. Novas pesquisas são necessárias para complementaçãodestes achados.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.06.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IP12300016456T RF305 F852r e.1
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FREDERIGUE, Natália Barreto; SAMESHIMA, Koichi. Reconhecimento de padrões auditivos de freqüência e de duração em crianças usuárias de implante coclear multicanal. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-11092006-110201/ >.
    • APA

      Frederigue, N. B., & Sameshima, K. (2006). Reconhecimento de padrões auditivos de freqüência e de duração em crianças usuárias de implante coclear multicanal. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-11092006-110201/
    • NLM

      Frederigue NB, Sameshima K. Reconhecimento de padrões auditivos de freqüência e de duração em crianças usuárias de implante coclear multicanal [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-11092006-110201/
    • Vancouver

      Frederigue NB, Sameshima K. Reconhecimento de padrões auditivos de freqüência e de duração em crianças usuárias de implante coclear multicanal [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-11092006-110201/