Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Comparação da resposta inflamatória articular decorrente da distensão líquida ou gasosa em eqüinos submetidos a exame artroscópico (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ROSSETTI, RENATA BELLO - FMVZ
  • USP Schools: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCI
  • Subjects: DOENÇAS DAS ARTICULAÇÕES EM ANIMAL; EQUINOS; DIÓXIDO DE CARBONO; MEMBRANA SINOVIAL; SINOVITE ANIMAL
  • Language: Português
  • Abstract: A ocorrência de lesões intra-articulares é uma das principais causas de incapacidade em atletas, sejam eles humanos ou da espécie eqüina. Um dos grandes avanços observados na medicina esportiva foi o advento das cirurgias intra-articulares minimamente invasivas, realizadas com auxílio de um artroscópio. A artroscopia é técnica diagnóstica ou cirúrgica que se caracteriza principalmente por causar mínimo dano tecidual, permitir ampla inspeção das estruturas intra-articulares, com baixo índice de morbidade e complicações. Apesar da realização da artroscopia ser tradicionalmente realizada por distensão líquida, a utilização do gás dióxido de carbono (CO2) como meio para distensão capsular e suas inúmeras vantagens já foram relatadas em diversos estudos. Embora os efeitos inflamatórios causados pela distensão capsular durante a artroscopia sejam discretos e sobrepujados pelos benefícios decorrentes de sua indicação, já foi descrito, em eqüinos, a ocorrência de sinovite de grau leve e caráter transitório. Entretanto, observa-se ausência de estudos referentes aos efeitos inflamatórios causados pela distensão capsular gasosa com dióxido de carbono. Desta forma, este estudo visou avaliar o grau de injúria sinovial decorrente do uso de CO2 intra-articular comparativamente à distensão líquida. Foram utilizados nove eqüinos adultos hígidos, seis machos e três fêmeas, de idade e raças variadas. Cada animal foi submetido a artroscopia bilateral da articulação tarsocrural erealização de biopsia da membrana sinovial no início, ao término do procedimento (30 minutos) e após 48 horas. Em uma articulação, a distensão para realização da artroscopia foi realizada com solução de Ringer com lactato (Grupo DL) e na articulação contra-lateral foi utilizada distensão gasosa com CO2 (Grupo DG). Para avaliação da resposta inflamatória, foram realizadas artrocenteses seriadas 0, 6, 12, 24 e 48 ) horas após o procedimento para mensuração de leucócitos totais, PT, Hb, PGE2, TNF-α e avaliação do burst oxidativo das células no líquido sinovial, assim como exame histopatológico e imunoistoquímico para COX-2 e E-selectina da membrana sinovial. Ambos os meios utilizados para distensão capsular causaram aumento nas concentrações de leucócitos, PT, Hb, TNF-α e PGE2. Também foi observado aumento do burst oxidativo de neutrófilos e macrófagos presentes no líquido sinovial. Em geral, as variáveis analisadas no líquido sinovial apresentaram discretas diferenças entre os grupos, sendo significativas em momentos isolados. A análise histológica da membrana sinovial demonstrou alterações inflamatórias agudas e de pouca intensidade em ambos os grupos. Apesar de semelhante entre os grupos, a imunoistoquímica para COX-2 na membrana sinovial apresentou discreta correlação com o grau de sinovite demonstrada nos outros parâmetros analisados, enquanto a E-selectina se mostrou um bom marcador em alterações inflamatórias precoces da membranasinovial. A utilização do CO2 como meio para distensão capsular durante o exame artroscópico em eqüinos causou uma sinovite de grau leve e caráter transitório, promovendo alterações inflamatórias no líquido e membrana sinovial de forma semelhante às observadas com a utilização da solução de Ringer com lactato como meio para distensão capsular. Além disso, ambos os meios para distensão capsular causaram mínimas manifestações clínicas e ausência de complicações pós-operatórias aos animais.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.08.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMVZ11300028914T.1724 FMVZ
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROSSETTI, Renata Bello; SILVA, Luis Claudio Lopes Correia da. Comparação da resposta inflamatória articular decorrente da distensão líquida ou gasosa em eqüinos submetidos a exame artroscópico. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-20042007-163941/ >.
    • APA

      Rossetti, R. B., & Silva, L. C. L. C. da. (2006). Comparação da resposta inflamatória articular decorrente da distensão líquida ou gasosa em eqüinos submetidos a exame artroscópico. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-20042007-163941/
    • NLM

      Rossetti RB, Silva LCLC da. Comparação da resposta inflamatória articular decorrente da distensão líquida ou gasosa em eqüinos submetidos a exame artroscópico [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-20042007-163941/
    • Vancouver

      Rossetti RB, Silva LCLC da. Comparação da resposta inflamatória articular decorrente da distensão líquida ou gasosa em eqüinos submetidos a exame artroscópico [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-20042007-163941/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: