Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da especificidade do anticorpo "mouse anti-mouse-uNK clone 1" e a localização da molécula antigênica correspondente nas células uNK de camundongos (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERRAZ, THALITA MARTINS - FMVZ
  • USP Schools: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCI
  • Subjects: ANTICORPOS MONOCLONAIS; CITOESQUELETO; uNK; GESTAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: No útero gestante dos animais com placentação do tipo hemocorial, ocorre uma migração e acúmulo transitório de linfócitos natural killer (NK) , cuja atuação na gestação não está totalmente elucidada. Estas células NK do ambiente uterino (uNK) apresentam comportamento distinto daquelas encontradas no sangue circulante (cNK), constituindo uma sub-população das células NK com expressão gênica específica ditada pelo ambiente uterino gestante. De fato, se estas células isoladas do útero de camundongos prenhes forem inoculadas em machos da mesma espécie eram capazes de induzir a resposta imunológica com produção de anticorpos que reagem especificamente com as células uNK. No presente trabalho foi utilizado um destes anticorpos monoclonais denominados de "mouse anti-mouse uterine natural killer cell clone 1 (mam-uNK1)" obtidos anteriormente em nosso laboratório para avaliar a especificidade deste anticorpo e a localização da molécula antigênica correspondente. Para tanto, foram utilizados cortes histológicos do útero no 9º dia de gestação, dos órgãos linfóides (baço, timo e linfonodo), do cérebro, do fígado e do coração submetidos à reações imunocitoquímicas com o anticorpo mam-uNK1 em nível da microscopia de luz e, pela imunomicroscopia eletrônica nas células uNK do útero gestante e células estriadas cardíacas do miocárdio. Foram obtidos homogenados teciduais dos mesmos órgãos avaliados pela imunocitoquímica para realização do SDS-PAGE e Western-blot com ointuído de identificar as frações protéicas reativas e homologia entre os diversos órgãos. Os padrões de imunomarcação com o mam-uNK1 foram comparadas com o padrão de reatividade da lectina DBA (Dolichos biflorus) tanto nos cortes histológicos quanto nos homogenados submetidos ao Western-blot. Os resultados demonstraram reação positiva distribuída difusamente no citoplasma, com maior intensidade no perímetro das ) células uNK, e marcação difusa no citoplasma das células deciduais e das células musculares lisas do miométrio. Reações positivas foram encontradas também no citoplasma das células musculares cardíacas, no citoplasma das células reticulares dos órgãos linfóides, nos feixes de nervos do sistema nervoso central e no citoplasma dos hepatócitos. Pela imunomicroscopia eletrônica foram observadas partículas de ouro coloidal em maior número no citoplasma que preenchem os prolongamentos citoplasmáticos tipo microvilosidades e no citoplasma marginal abaixo da membrana plasmática nas células uNK. Nas células musculares cardíacas as marcações mais intensas foram constatadas no citoplasma da extremidade destas células onde as miofibrilas eram menos organizadas e se ancoravam à membrana plasmática. Pelo Western-blot, foram identificadas duas bandas reativas ao mam-uNK1 com peso molecular de 52 e 54 kDa comuns a todos os órgãos analisados. Estes dados demonstram que a molécula reconhecida pelo anticorpo mam-uNK1 tem ampla distribuição em diversos tipos celularesnão sendo específica para as células uNK, porém apresentam uma localização peculiar nestas células e nas células musculares cardíacas. Pelo padrão de localização identificado em imunomicroscopia eletrônica, presume-se que estas moléculas estejam associadas com a modulação do citoesqueleto nas diversas atividades que estes componentes estruturais desempenham nas células, sendo particularmente interessante a relação com a motilidade celular.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.12.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMVZ11300030435T.1823 FMVZ
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERRAZ, Thalita Martins; YAMADA, Aureo Tatsumi. Avaliação da especificidade do anticorpo "mouse anti-mouse-uNK clone 1" e a localização da molécula antigênica correspondente nas células uNK de camundongos. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10132/tde-14062007-171702/ >.
    • APA

      Ferraz, T. M., & Yamada, A. T. (2006). Avaliação da especificidade do anticorpo "mouse anti-mouse-uNK clone 1" e a localização da molécula antigênica correspondente nas células uNK de camundongos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10132/tde-14062007-171702/
    • NLM

      Ferraz TM, Yamada AT. Avaliação da especificidade do anticorpo "mouse anti-mouse-uNK clone 1" e a localização da molécula antigênica correspondente nas células uNK de camundongos [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10132/tde-14062007-171702/
    • Vancouver

      Ferraz TM, Yamada AT. Avaliação da especificidade do anticorpo "mouse anti-mouse-uNK clone 1" e a localização da molécula antigênica correspondente nas células uNK de camundongos [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10132/tde-14062007-171702/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: