Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Trofodinâmica do ecossistema bentônico de plataforma continental da costa sudeste do Brasil:: uso de isótopos estáveis de carbono e nitrogênio (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CORBISIER, THAIS NAVAJAS - IO
  • USP Schools: IO
  • Subjects: ECOSSISTEMAS MARINHOS; BENTOS
  • Language: Português
  • Abstract: O ecossistema de plataforma continental ao largo de Ubatuba (SP) e Cabo Frio (RJ), sudeste do Brasil, está submetido, respectivamente, à intrusão e à ressurgência costeira sazonal da Água Central do Atlântico Sul (ACAS), processos físicos que proporcionam a entrada de nutrientes nesse sistema oligotrófico. O objetivo deste estudo é analisar os efeitos da eutrofização e as interações tróficas no sistema bentônico de uma região tropical-subtropical. As interações tróficas foram analisadas através de medidas das razões dos isótopos naturais de carbono e nitrogênio em organismos da comunidade bentônica, do zooplâncton, no material particulado em suspensão (MPS) e no sedimento, nas áreas interna e externa da plataforma, no verão e inverno, entre 2001 e 2002. A fonte primária principal de carbono para o sistema bentônico é proveniente da produção primária pelágica, embora haja indicação de contribuição terrígena ao largo de Ubatuba. Os valores de ''delta' POT.13' C do MPS variaram de -24,17 a -20,26%, do sedimento, entre -25,25 e -20,78% e dos invertebrados, entre -22,34 e -14,20%. A variação da ''delta' POT. 15'N do MPS foi de 4,10 a 8,55%, enquanto a do sedimento, de 5,34 a 10,46%. Os valores de ''delta' POT. 15'N dos suspensívoros variaram de 5,37 a 9,17%, dos depositívoros de superfície, de 7,23 a 11,37%, dos depositívoros de subsuperfície ou cavadores, de 7,05 a 12,75% e dos carnívoros, de 8,08 a 14,50%. Os organismos suspensívoros apresentaram o menorenriquecimento em relação à fonte de alimento, enquanto que os depositívoros de subsuperfície ou cavadores mostraram o maior enriquecimento, seguidos dos carnívoros e dos depositívoros de superfície. Esses valores de enriquecimento entre os níveis tróficos foram distintos dos usualmente utilizados, concordando com os resultados de investigações mais recentes. A comunidade de Cabo Frio apresentou organismos mais enriquecidos em valores de ''delta' POT. 13'C, (continua) ) provavelmente relacionados à maior produtividade, e a de Ubatuba, menos enriquecidos, possivelmente devido à maior contribuição terrígena. De modo geral, houve correspondência entre os valores de ''delta' POT. 15'N dos consumidores e seus hábitos alimentares descritos na literatura. Os valores de ''delta' POT. 15'N dos consumidores, em grande parte, foram mais enriquecidos no inverno, mas não foram relacionados às fontes. A defasagem de tempo entre a deposição da matéria orgânica e a assimilação pode ser a razão para esse resultado. Foram estimados entre 4 e 5 níveis tróficos nas tramas, com exceção da plataforma externa de Ubatuba, com 3 níveis, possivelmente, em função da menor contribuição pelágica. O número de níveis tróficos estimado para o bentos da costa sudeste brasileira foi similar ao dos ecossistemas de plataforma continental de região temporada
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.03.2007

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IO1220001566603.42 C813t Tese Livre Doc
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CORBISIER, Thais Navajas. Trofodinâmica do ecossistema bentônico de plataforma continental da costa sudeste do Brasil:: uso de isótopos estáveis de carbono e nitrogênio. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, BSP, 2007.
    • APA

      Corbisier, T. N. (2007). Trofodinâmica do ecossistema bentônico de plataforma continental da costa sudeste do Brasil:: uso de isótopos estáveis de carbono e nitrogênio. Universidade de São Paulo, São Paulo, BSP.
    • NLM

      Corbisier TN. Trofodinâmica do ecossistema bentônico de plataforma continental da costa sudeste do Brasil:: uso de isótopos estáveis de carbono e nitrogênio. 2007 ;
    • Vancouver

      Corbisier TN. Trofodinâmica do ecossistema bentônico de plataforma continental da costa sudeste do Brasil:: uso de isótopos estáveis de carbono e nitrogênio. 2007 ;